Estaduais de 2015 terão início em fevereiro, diz sindicato



Ainda com as indefinições para a programação de 2014, algumas partes do calendário de 2015 já estão decididas, segundo a Federação Nacional de Atletas Profissionais de Futebol.

Com o aperto do próximo ano em função da Copa do Mundo no Brasil, a representante dos jogadores se antecipou para garantir que em 2015 a agenda volte ao normal e que os times tenham mais tempo para se preparar para as competições do ano.

– Uma coisa já está fechada, vamos ter 30 dias de pré-temporada em 2015. Existe um acordo verbal com a Globo e será respeitado. O que significa que haverá uma alteração no calendário e que os estaduais só vão começar em fevereiro – afirmou Rinaldo Martorelli, presidente da Fenapaf.

Em 2012, o período de pré-temporada foi de 19 dias; em 2013, foi de 22 dias; em 2014, pode ser de dez dias; e, em 2015, de 30 dias.



  • Finalmente estamos evoluindo…

  • george

    Só é um absurdo, a saúde do trabalhador (jogadores e comissão técnica), e o patrimônio dos clubes, ser submetido à vontade de uma emissora de televisão. BOICOTE À GLOBO JÁ!

    • moises

      George, hoje a noite nao liga a tv seu otario.

      • Gabs –

        E vc parabens….da audiencia pra quem não ta nem ai pra vc…

      • lazaro

        Moises, Tostines vende mais pq é fresquinho ou é fresquinho pq vende mais?

      • Boa Noite Ricardo,

        Conheça a página do facebook: projeto elite futebol brasileiro.

    • Boa Noite Ricardo,

      Conheça a página do facebook: projeto elite futebol brasileiro.

  • De uma coisa tenho certeza:Todos os jogos do Timao,vao ser transmitidos pela Globo,afinal o Corinthians é contratado exclusivo da Globo……..VAI CORINTHIANS…………..

  • Boa Noite Ricardo,

    Conheça a página do facebook: projeto elite futebol brasileiro.

MaisRecentes

CBF começa treinar instrutores para curso do árbitro de vídeo



Continue Lendo

Se estrear na próxima rodada, árbitro de vídeo não será para todos os jogos da Série A



Continue Lendo

Licenciamento vira argumento de CBF e clubes para minimizar liminar contra exigência de CND



Continue Lendo