CBF terá eleição antes da Copa



Camila Mattoso
Enviada a Brasília
O presidente da CBF, José Maria Marin, afirmou ontem em Brasília que a próxima eleição da entidade será realizada antes da Copa do Mundo, provavelmente em maio. Embora fosse uma alternativa muito comentada desde que uma reforma no estatuto da entidade tivesse aberto essa possibilidade, nunca houvera uma confirmação.

Marin, em meio ao seu hábito de responder perguntas incômodas com brincadeiras, também deixou claro que ele não será candidato. A afirmação não é uma novidade – ele já havia dito que trabalharia por Marco Polo Del Nero – , mas, nos últimos meses, em razão do grande desgaste do presidente da FPF junto a colegas de outras federações, haviam gerado informação de que Marin poderia se recandidatar.

A recente volta de Ricardo Teixeira ao Brasil, para tratar de uma doença nos rins e o afastamento por Marin de dois homens de confiança de Teixeira na área financeira da CBF, conturbaram um pouco o ambiente político para a próxima eleição. Mas Del Nero ainda parece ser o franco favorito.

Marin participou ontem do evento que anunciou o patrocínio da Samsumg à CBF (veja texto abaixo) e à tarde, junto com toda a Seleção Brasileira, foi recebido pela presidente Dilma Rousseff .

A realização da eleição, dez meses antes do fim do mandato – em março de 2015 – visa poupar Del Nero de um desgaste, em caso de um fracasso da Seleção na Copa do Mundo do ano que vem. Se eleito, Del Nero será o primeiro paulista a ocupar o cargo por meio do voto.

——————————

Samsumg anuncia patrocínio à Seleção

A Samsumg anunciou ontem, num evento em Brasília, que vai patrocinar a Seleção Brasileira. A multinacional sul-coreana também vai patrocinar o zagueiro Thiago Silva, capitão da equipe, e o volante Paulinho. Ambos jogam no exterior, na França e na Inglaterra, respectivamente. O contrato com a CBF vai até 2018 e os com os atletas até o final de 2014. Os valores não foram revelados.

O presidente da CBF, José Maria Marin, presente ao evento, disse que tem sido procurado por muitas empresas para patrocinar a Seleção e que está aberto a novas parcerias.

– Até vendedor de pipoca nos procurou. Parabéns à Samsung pela sabia escolha – afirmou.

———-
Marin se reúne com Dilma

Cerca de um ano e meio depois de tomar posse, o presidente da CBF, José Maria Marin, foi enfim recebido pela presidente Dilma Rousseff em Brasília. Até então Dilma vinha evitando Marin, como já fizera com Ricardo Teixeira. O encontro foi fechado aos jornalistas. Foi permitido apenas o registro de imagens.

A jornalista Camila Mattoso viajou a convite da Samsumg



  • Julien Jacques Nery

    FORA MARIN! FORA DEL NERO! MAFIOSOS!

MaisRecentes

CBF começa treinar instrutores para curso do árbitro de vídeo



Continue Lendo

Se estrear na próxima rodada, árbitro de vídeo não será para todos os jogos da Série A



Continue Lendo

Licenciamento vira argumento de CBF e clubes para minimizar liminar contra exigência de CND



Continue Lendo