Juvenal liga à FPF para punir rebelde



O presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, ligou para a FPF na última semana pedindo que a entidade cortasse relações com a empresa Qualimetria. A empresa pertence ao conselheiro são-paulino Edudardo Alfano Vieira, que foi vice de Marketing no primeiro mandato de Juvenal e agora apoia a oposição. A entidade avisou Vieira do telefonema, mas não atendeu ao pedido do cartola.

Promoção
O preço médio dos ingressos no jogo Fluminense x Goiás foi de R$ 15,69, menor até do que jogos em estádios antigos, como os do Corinthians no Pacaembu. Apesar da redução para R$ 20 dos lugares atrás dos gols, o público não passou de 16 mil.

Dívida
O Fluminense tem R$ 116 milhões inscritos na dívida ativa da União, mais do que o dobro dos R$ 49 mi do Flamengo. Os números se contrapõem ao discurso do presidente do Flu, Peter Siemsen, de que a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional prejudica o Tricolor. As dívidas dos dois clubes não se limitam a esses valores.

Campanha
O Marketing do São Paulo vai lançar domingo camisas especiais para os torcedores, na sequência da campanha #3cores1sotorcida, que começou com a baixa dos preços dos ingressos. As peças, na versões preta, branca e vermelha, levam o lema e custarão R$ 49,90.

Outro lado
O Flamengo contesta informação publicada nesta coluna anteontem de que sofreu penhora judicial de R$ 700 mil, passada por dois membros do Conselho de Administração*, de grupos políticos opostos. Segundo o Jurídico, foi o clube que foi à Justiça contestar uma cobrança administrativa nesse valor, relativa a valores de 2008.

* na edição do LANCE! desta sexta-feira, 23, saiu informado erroneamente que os conselheiros pertenciam ao Conselho Fiscal do clube

Clausula pétrea
O presidente do Conselho Deliberativo do São Paulo, José Carlos Ferreira Alves, recomendou aos sócios que pedem mudança de estatuto que peçam a saída da proposta da pauta da próxima reunião. Disse que o fato de o documento prever sua própria aprovação em assembleia geral conturbará mais a política no clube.

Mais um
A Fisk negocia patrocínio com outros clubes para 2014. A escola de inglês, que tem contrato com o Corinthians até o fim de 2014, quer pelo menos mais um clube, mas não revela com quais está negociando. São Paulo, Santos e Palmeiras já foram parceiros da empresa no passado.

Antidoping
A suspensão do Ladetec, único laboratório do Brasil certificado pela Wada, pode atrapalhar os planos do UFC de fazer uma luta entre Vitor Belfort e Dan Henderson no Brasil. Os dois lutadores fazem reposição hormonal, e precisam ser testados em tempo hábil em em local credenciado.

Seleção
Para a palestra de abertura da quarta edição do Prêmio Amigo do Esporte, o ministério do Esporte convidou o técnico da seleção masculina de vôlei, Bernardinho. O evento, que acontecerá no dia 2 de setembro, no Clube Pinheiros, vai homenagear as empresas que incentivaram o esporte com a lei federal em 2012. O vôlei foi o oitavo que mais captou no ano passado: R$ 9,5 milhões.

De Letra
“O Proforte é uma maneira de jogar nas costas da sociedade o ônus da sonegação fiscal dos clubes”
Hércules Figueiredo, conselheiro e ex-presidente do Conselho Fiscal do Vasco.

Colaboraram Renato Homem e Amélia Sabino



  • Danilo

    A dívida ativa do Flu é maior do que a do Flamengo exatamente por causa das penhoras das receitas do clube que ficou impossibilitado de pagar nada inclusive a timemanina que se houver uma revés na negociação voltará ao patamar que o Peter divulga, apure bem a notícia antes de escrever M….

    • And

      Vou ser bem didático para os “jornalistas” entenderem a questão:

      – Quando o Flu começou a negociar o pagamento, a dívida dos 2 clubes estava separada em 2 partes: 1 parte financiada (Timemania) e 1 parte em aberto (pós-Timemania);

      – A dívida do Flu na 2ª parte era de R$ 31 milhões a do fla era mais de R$ 100 milhões;

      – Com a exclusão do Flu do Timemania, as dividas passam a ser somadas (parte 1+parte 2), passando a totalizar os valores que constam HOJE como passivo fiscal.

      A equipe do Lance conseguiu entender ou tenho que explicar com laranjas???

    • André H

      Bem didático para os “jornalistas” entenderem a questão:

      – Quando o Flu começou a negociar o pagamento, a dívida dos 2 clubes estava separada em 2 partes: 1 parte financiada (Timemania) e 1 parte em aberto (pós-Timemania);

      – A dívida do Flu na 2ª parte era de R$ 31 milhões a do fla era mais de R$ 100 milhões;

      – Com a exclusão do Flu do Timemania, as dividas passam a ser somadas (parte 1+parte 2), passando a totalizar os valores que constam HOJE como passivo fiscal.

      A equipe do Lance conseguiu entender ou tenho que explicar com laranjas???

  • Gostaria de saber do fofoqueiro Celso Leite quais as novas da vila e perguntar ao mesmo as soluções que ele tem para o clube, como fofoqueiro eu voto nele, vai Celso!!

  • conforme o amigo danilo disse vão apura as verdades primeiro antes de colocar falsa noticia , já que senhor se diz jornalista pelo menos seja parcial e não deixe o amor clubista falar mais alto .

    • Fernando Bastos

      Lamentável este tipo de jornalismo. Se mete a publicar notícias sem saber da verdade, ou pior, sabendo e não levando em consideração. Ignorância ou má-fé. Escolha “sr. jornalista”. ST

    • Felipe

      Triste.. Para que publicar uma nota dessas? sem conhecimento algum, sem apuração alguma.
      Vergonho para o Lance

      • walace

        O “sr. jornalista”!, não corrigir a nota falsa publicada???? tenha respeito pelo seu leitor! é mínimo que se espera de um jornalista do lance.

  • Raposa

    Coisa feia! Ditador sem máscaras! Típico de gente sem noção de democracia e sem respeito às opiniões e convicções alheias!
    Ainda bem que está no fim o mandato dele.

  • Bruno Bosquê

    Esse ato desesperado só comprova que ele está cada vez mais enfraquecido nos bastidores do Tricolor.
    É Juvenal o SPFc não cai, mas vc vai cair!

MaisRecentes

‘Agressividade’ de Mattos no mercado rende brincadeiras nos bastidores



Continue Lendo

CBF planeja Seleção de Masters para 2018: projeto social e de imagem



Continue Lendo

CBF ‘absolve’ árbitro que não viu confusão Vizeu x Rhodolfo, mas STJD vai analisar



Continue Lendo