COL contradiz Fifa em ingressos da Copa-14



Colaboraram Alexandre Braz e Marcelo Resende

O diretor executivo do COL, Ricardo Trade, contradisse a Fifa ao afirmar que, na Copa do Mundo, o torcedor escolherá seu assento como no cinema. No evento de anúncio do preço dos ingressos para a Copa, a entidade máxima do futebol havia dito que o torcedor teria o direito de escolher só o setor preferido no estádio, mas a cadeira seria escolhida pelo sistema.

Stewards
O COL repetirá o trabalho com seguranças privados (stewards) nas arenas da Copa 2014, mas quer mais tempo para treiná-los. O intuito é evitar agentes chamados de um dia para o outro e garantir que estejam mais preparados para as dúvidas dos torcedores.

Head hunter
O ex-vice de Relações externas do Flamengo, Flavio Godinho, ofereceu, além de Saviola, mais dois jogadores a Mano Menezes, após a partida contra o ASA. Eles eram Maxi Rodriguez e um jogador chileno. Mano recusou os três. Aliados de Godinho negam que ele tenha agido às costas de Wallim.

Santos
Um dos pontos que emperra o acordo entre Santos e Zurich Seguros é que a empresa quer que o clube não só use exclusivamente seus produtos por cinco anos, como ajude a empresa a vender apólices para sócios. O Santos alega que não pode assumir o papel de vendedor, até pelo Código Civil.

Acerto
Corinthians e Internacional fizeram nesta semana um grande acerto de contas. Representados pelos advogados Ivandro Sanches (COR) e Daniel Cravo (INT), os clubes levantaram o que tinham a receber e a pagar, em transferências, como de Pato, Alex e Jorge Henrique. O Saldo foi de R$ 1,3 milhão para o Corinthians.

Rachou
Líderes do grupo Eu Sou Santos, o único que dá apoio oficial ao presidente Luis Alvaro Ribeiro, consideraram um erro a demissão de Pedro Conceição e Caio Di Stefano, na hora em que a diretoria corre risco de impeachment. O grupo avalia que a hora é de juntar forças para impedir o que chama de “golpe”.

Mudança
A torcida Independente, que chegou a defender Juvenal Juvêncio de críticas no São Paulo, agora promete protestar contra a diretoria. Um membro diz que a ordem é apoiar o elenco para sair da zona de rebaixamento, e que ataques à torcida de membros da direção foram alguns dos motivos.

Adiado
Conselheiros do Santos adiaram para sexta-feira o protocolo de pedido de renúncia de diretores do clube. O objetivo é conseguir mais assinaturas, até um terço do conselho. O documento já foi assinado por mais de 70 conselheiros, e agora será focado no afastamento de Luis Alvaro Ribeiro.

Recado
Na coletiva desta semana, o gerente técnico do Botafogo, Sidney Loureiro, afrontou uma de suas frases preferidas: “Não falo quando (o salário) está atrasado, tampouco quando sai o pagamento”. Fez isso para mostrar insatisfação com declaração da mulher de Oswaldo de Oliveira e do próprio, sobre atrasos.

DE LETRA
“O Flamengo deve agir como o papa Francisco: honrar os compromissos e não se afastar dos pobres”
Walter D’Agostino, vice-presidente do Flamengo.



  • SO QUESTIONANDO PARA O NEY FRANCO FALAR DEPOIS QUE FOI DEMITIDO PK ELE NÃO E HOMEM SUFICIENTE NEM TREINADOR CAPAZ DE FALAR ENQUANTO ESTAVA LA EMPREGADO ACHO ISSO CANALHICE INDEPENDENTE DE QUAL QUER TREINADOR DE QUALQUER CLUBE TEM QUE FALAR NA HORA QYE ESTA ACONTECENDO NÃO DEPOIS ISTO PARA MIM E PAPO DE GENTE INVEJOSA DESPEITADA E PRINCIPALMENTE SEM CARATER PK NÃO FALA NA CARA.

    Essa sua avaliação se estende ao Rogério, Julio? Por que ele também só falou depois. Aliás, foi o Rogério quem começou a discussão ao dizer pela imprensa que o legado do Ney Franco era zero (não discuto o mérito, mas apenas a maneira como fez, pela imprensa).
    A minha visão é a seguinte: não tem nada de inveja, despeito, caráter, muito menos canalhice. Provavelmente cada um tem um pouco de razão e jamais saberemos o quanto. Era melhor que os dois tivessem falado cara a cara, sem dúvida. Mas já que não falaram enquanto podiam, o melhor mesmo era que os dois tivessem ficado quietos, pois bater boca pela mídia não resolver nada e só desgasta a imagem de ambos e do São Paulo. Se os dois tivessem pensado no São Paulo – e isso se esperava mais do Rogério que está lá há mais de 20 anos – esse lamentável bate-boca não teria ocorrido. Ninguém ganhou com ele.

MaisRecentes

CBF ‘absolve’ árbitro que não viu confusão Vizeu x Rhodolfo, mas STJD vai analisar



Continue Lendo

Diretor da Chape compara permanência na Série A a título da Champions League



Continue Lendo

Botafogo sai da lista de clubes formadores da CBF. Coritiba retorna



Continue Lendo