Corinthians cria 2º fundo para a Arena



O Corinthians criou um novo fundo imobiliário há cerca de um mês para desobstruir o acordo com a Caixa. O fundo servirá para buscar investidores para propriedades como camarotes e antecipar o recebimento desse dinheiro. Essa garantia adicional deve levar ao acordo com a Caixa, que estava acertado, mas voltou para trás, e liberar o empréstimo do BNDES.

Promessa cumprida
Roberto Dinamite, presidente do Vasco, cumpre promessa aos torcedores fora do Rio ao pedir para mandar o jogo contra o Corinthians, pela 16 rodada do Brasileiro, no Mané Garrincha. Em um evento, há três semanas, Dinamite elogiou os torcedores do DF.

Fla olímpico
O Flamengo conseguiu aprovar no Ministério do Esporte dois projetos pela Lei de Incentivo ao Esporte, recompensando o esforço pelas CNDs. O clube tem autorização para captar R$ 8 milhões para esportes aquáticos, judô e ginástica artística e poderá remontar as equipes profissionais. A captação não começou.

Sem festa
A comemoração do centenário do clássico Corinthians x Santos só deve ocorrer no returno do Brasileiro. A ideia inicial envolvia os dois clássicos do campeonato, mas a saída do gerente de Marketing do Santos e a crise política atravessada pelo clube deixaram o projeto sem clima.

Injeção
Membros do COF do Palmeiras dizem que já é de R$ 20 milhões o valor total dos empréstimos repassados ao clube pelo presidente Paulo Nobre. Também dizem ter ouvido que um novo montante será contabilizado no balanço de julho, mas ainda não houve informação oficial.

Em duas canoas
Apesar de emplacar Luxemburgo no Fluminense, o presidente da Unimed, Celso Barros, ainda não decidiu apoiar Peter Siemsen à reeleição. Na semana passada, Tote Menezes, seu braço direito no clube, participou de reunião com os grupos Democracia e Ideal, que discutem um nome de oposição.

Cadê?
Há um mês com o departamento jurídico (terceirizado) do Santos, o contrato com a Zurich ainda não foi assinado e não tem prazo para sê-lo. Questões burocráticas sobre os serviços que serão oferecidos pela seguradora para os torcedores estão emperrando o acordo. O clube continua sem gerente de Marketing.

No mesmo saco
O grupo de insatisfeitos com a atual gestão da CBF deve se encontrar até o fim do mês para definir estratégia para a eleição da entidade, que deve ser em abril. Um ponto, porém, já está decidido: sendo José Maria Marin ou Marco Polo Del Nero o próximo candidato, haverá chapa de oposição.

Espera no fim
O presidente do Palmeiras, Paulo Nobre, disse a membros do COF que existem boas possibilidades de fechar patrocínio master até o fim deste mês, e já contabilizar receitas em setembro. As negociações mais avançadas são com a Fiat, que já patrocinou o clube anteriormente, mas há outras interessadas.

DE LETRA
“Sei que há dois anos se diz que é uma questão de dias, mas hoje digo que é uma questão de dias”
Raul Correia da Silva, diretor financeiro do Corinthians, ontem, sobre o acordo com o BNDES



MaisRecentes

Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro está dividida sobre o Everest



Continue Lendo

Diretoria do Vasco usa embargos na Justiça para que caso “HD do Vasco” não termine logo



Continue Lendo

Vitória de Galiotte e Leila Pereira no Conselho Deliberativo gera desconfiança no Palmeiras



Continue Lendo