Flu ‘mina’ excursão de rivais aos EUA



A excursão do Fluminense à Flórida para “internacionalizar” a marca afetou o mercado para os demais clubes do país. O clube do presidente Peter Siemsen viajou sem receber cota e levou atletas em classe econômica. O Orlando City, clube de uma liga americana menor, pagou a hospedagem. Por isso, outros clubes tiveram negado pedidos de cota para amistosos nos EUA.

Matemática da floresta
Depois de gastar R$ 515 milhões na construção da Arena da Amazônia, que chegarão a quase R$ 1 bi com os juros, o governo da Amazônia disse que a manutenção do estádio – R$ 6 milhões por ano – é cara demais e vai fazer licitação para a concessão do estádio.

Zona azul
A oposição do Flamengo cobra explicações sobre a entrada de uma rede de estacionamento no clube. Os sócios, dizem, não poderão mais parar de graça, e não sócios poderão entrar dentro do clube, uma vez que grande parte das vagas está na área social. A receita do contrato não foi informada.

Trio alvinegro
O ex-presidente do Corinthians Andrés Sanchez foi a atração do aniversário do diretor financeiro, Raul Correa, no sábado, na sede do clube. O churrasco foi concorrido, mas com duas ausências. A do presidente Mario Gobbi foi comentada; a do vice licenciado, Luiz Paulo Rosenberg, não.

Operação China
A diretoria da Portuguesa afirma que fez contato com a CBF para levar o jogo contra o São Paulo, pelo Brasileiro, para Pequim. Diz também que enviou o pedido à entidade de procurar a Globo – que se colocou contra a operação. Aliados do presidente Manuel da Lupa dizem que ele obteve o OK de José Maria Marin.

Sem gestão
Conselheiros de oposição do Santos se articulam pela renúncia do Comitê Gestor – cuja extinção é defendida até pelo presidente Luis Alvaro Ribeiro, embora a médio prazo. Os líderes estimam que o apoio à ideia atinja um terço do conselho. Não se fala em impeachment, para poupar o clube.

Processo
A Federação das Associações de Atletas Profissionais entrou com novo processo contra o São Paulo, cobrando cerca de R$ 1 milhão. A entidade já processa o clube por mais R$ 2 milhões. A maior parte do valor cobrado é referente a direitos de arena não pagos a atletas que defenderam o clube.

Esclarecimento
O presidente do Botafogo procurou a coluna e disse que, quando comentou sobre as três barreiras que controlavam o acesso ao Maracanã, há uma semana, estava, de fato, elogiando o esquema de segurança que encontrou. Maurício Assumpção disse que, se isso fosse feito em outros estádios, os tumultos diminuiriam.

Intensivo
O novo técnico do Bayern, Pep Guardiola, não fez apenas quatro horas de aula particular de alemão por alguns meses antes de se apresentar ao Bayern. A “professora” devia acompanhá-lo no dia-a-dia, a farmácias e supermercados. Foi visto por torcedores tomando café e fazendo compras com a “tutora”.

DE LETRA
“Há um ano, tínhamos o melhor time do Brasil. Agora, é terra arrasada. De quem é a culpa?”
Celso Leite, conselheiro do Santos



MaisRecentes

Pedro Abad pode deixar o comando do Fluminense ainda em 2018



Continue Lendo

Contratação de Felipe Melo pelo Flamengo faz parte de ‘presente de Natal’ pedido por Abel Braga



Continue Lendo

Após confirmação de Valentim em 2019, goleiro Martín Silva deve sair do Vasco



Continue Lendo