2014: Brasileirão pode ser reduzido



Um dos estudos que estão sendo feitos pela CBF para o calendário de 2014 passa o Brasileiro para o segundo semestre, depois da Copa do Mundo, e não mexe no número de datas dos Estaduais. Além disso, o departamento de competições da entidade analisa a criação de outros quatro regionais, além do Nordeste: Rio-SP, Sul-Minas, Centro-Oeste e Norte. A CBF diz que não fala sobre o assunto.

Por um novo João
A bancada do PSOL na câmara dos vereadores do RJ apresenta hoje o projeto para mudar o nome do Engenhão de João Havelange para João Saldanha. O deputado federal Chico Alencar já enviou carta pedindo apoio ao prefeito Eduardo Paes à proposta.

Ajudinha
Quando Lula ligou para o presidente da CBF, ontem, quem estava junto era o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo. Ele estava lá na sede da FPF pedindo para Marin que o ajudasse a transformar sua cidade em um dos municípios que vão receber outras seleções na Copa Mundo.

Palestra
95% do estoque da loja do Palmeiras no shopping Ibirapuera acabou no primeiro dia de venda. Além das camisas de jogo, as roupas femininas também foram muito procuradas na Academia Store, que teve de renovar o estoque para o Dia das Mães. O plano é ter 100 novas lojas até 2017.

No vermelho
A Federação Paranaense não repassou o dinheiro de patrocínio da GM para os clubes que participam do estadual. No entanto, nas últimas três rodadas, a entidade  ajudou os nove clubes menores do Campeonato Paranaense, pagando arbitragem e outras despesas. A entidade tem cerca de R$ 40 milhões em dívidas.

Derrota
O TRT do RJ negou a tentativa do Flamengo de impedir o acerto entre o lateral Wellington Silva e o Fluminense. Na decisão, a juíza alegou que a falta de vontade do jogador em assinar com o Fla anula a cláusula de preferência que o clube tinha na compra dos direitos federativos.

Petit Comitê
Foi no La Tambouille, restaurante chique de São Paulo, que José Maria Marin comemorou seu aniversário de 81 anos. Ao lado dele estavam o novo presidente da Conmebol e os presidentes de várias confederações da América do Sul: boliviana, chilena, uruguaia e paraguaia.

Sem brincadeira
A Prefeitura do Rio de Janeiro vai firmar um TAC com o Ministério Público para cancelar a compra dos jogos Banco Imobiliário Cidade Olímpica, que foram distribuídos em escolas e renderam acusações de propaganda política. A fabricante já avisou o MP que aceita devolver todo o dinheiro da venda, R$ 1 milhão.

Corredores
Para pessoas próximas, o presidente da Ferj disse que não tem nada combinado para dar apoio para Marco Polo Del Nero, da FPF, para a próxima eleição da CBF. Rubens Lopes (foto) falou também que se o cenário político estiver bom para ele, a sua própria candidatura não está descartada.

De Letra
“Zero preocupação. O clima é festivo. Se tivesse algo errado, os operários não estariam jogando bola com o Tite”
Edgard Ortiz, conselheiro do Corinthians, sobre as obras da Arena e o amistoso entre operários  e comissão.



  • Mauro Guerreiro

    Se a CBF reduzir o número de participantes do campeonato brasileiro de 2014, aumentando o número de rebaixados em 2013, certamente o Vasco estará nesse rebaixamento. Tenho dito.

    • E com certeza se o Vasco cair, não cai sozinho… leva com ele o merreca de time chamado FRAMENGO

      • Rafael

        Tem razão, o framengo que deve ser um time do seu bairro deve cair, mas o todo poderoso FLAMENGO nunca, vai sonhando.

        • Charles

          Certamente o FRAMENGO vai ser rebaixado, por muitos anos seguidos,
          ficou batendo na porta da segundona!

          • Bill

            Esse Charles deve ser um pobre coitado que prefere azarar o Flamengo que torcer pro time dele que com certeza já foi rebaixado e que provavelmente neste momento é uma coisa sem expressão alguma,piada até dos cachorros na rua,

      • Maximus Voreno

        Ah vai junto sim.
        Isso se não for esse ano.

    • Charles

      Flamengo rebaixado !

      • rogerio

        sonha, sonha, time grande não cai…

    • Don Pepito

      Ambos caem, pronto.

  • a

  • Guilherme

    Adorario ver novamente o brasileirão com Matas-Matas …

    • Jefferson Alves

      A volta do mata-mata e a volta da Liga Rio-SP ia ser o bicho…

      • Breno

        Mata-mata seria um retrocesso.

    • Don Pepito

      Brasileirão com mata-matas já existe, e se chama Copa do Brasil.

    • Tiago

      Sou mais sendo mata-mata tem mais emoção

  • Homem Sábio

    Quer dizer:

    Teremos horríveis 5 meses de horríveis campeonatos estaduais e o bom campeonato brasileiro irá ficar apertado.

    Obrigado Casa Bandida do Futebol.

  • SERIA OTIMO UM BRASILEIRAO MENOR E COM MAIS TIMES PARA COMPETIR, POIS HOJE VARIOS CLUBES ENTRAM APENAS PARA PARTICIPAR. MAS NAO SOU A FAVOR DO MATA MATA NO BRASILEIRO, O CAMPEAO DEVE SER O MELHOR DURANTE UMA TEMPORADA E NAO AQUELE QUE DER SORTE OU FOR DECISIVO SOMENTE NO FINAL.

  • André

    É o seguinte,acho que se descarta essa hipótese de rebaixar mais clubes,4 já é muito,eu acho que poderia acabar com a fórmula de pontos corridos,e voltando ao antigo sistema de mata-mata (último em 2002),porcausa de ter acabado mata-mata,acabaram com Regionais com Torneio-Rio São Paulo,Copa Sul-Minas,Norte,Nordeste e Centro Oeste,seria interessante um campeonato de pontos corridos,mas sem 38 rodadas,classificando apenas 4 times,1º contra 4º,2º contra 3º,poderia ser um rebaixamento com 2 clubes esse ano e subindo 8 para ficar 26 clubes,com era até 2002,ai o campeonato teria 25 rodadas,acho legal ter um campeonato com mais clubes,fica mais competitivo.Em 2002,o Santos,o último classificado acabou sendo campeão,rsrsrs.

    • Breno

      Seria ruim, haveria um grande desequilíbrio, vc pega alguns determinados times fora e não pega em casa por exemplo, seria um retrocesso.

  • Breno

    Em vez de diminuir o Brasileirão, deveriam reduzir ou de preferência extinguir os estaduais.

    E com o calendário já saturado, ainda querem ressuscitar o RJ-SP…

    • Romolo S.

      Brasil não é pequeno como os países da Europa, muito time do ¨interior¨ é formador de novos talentos e isso que sempre foi um grande diferencial do Brasil em relação a Europa que tem muito mais dinheiro, mas não tem times menores revelando tanto, regionais ajudam muito esses times menores, e isso ajuda na revelação de atletas. O interessante é ter esses regionais do Nordeste, Centro-Oeste, Norte, Rio-SP, Minas-Sul. Muito time regional seria beneficiado e o nível dos campeonatos seria bem melhor.

  • Paulo

    Sul e Suldeste nada de Rio e São Paolo vamos fazer as coisas certas CBF so aceitamos Nordeste ,Norte ,Sul,Sudeste ,Centro Oeste

  • Charles

    Uma sugestão,

    Janeiro, pré-temporada.

    Brasileirão, iniciando em Fevereiro até final de Novembro, somente aos domingos.
    (Cerca de 40 domingos, o Brasileirão tem 38 rodadas, ainda sobrariam 2 domingos)

    Libertadores, não muda, continua como está no meio de semana,inicio em Fevereiro e Final em Junho ou Julho.

    Copa do Brasil, diminuir o numero de participantes, no meio de semana, nas datas que não houver Libertadores.

    Estaduais ou Regionais, no meio de semana, que não interfira na Copa do Brasil nem Libertadores.

    Com certeza, sobrará

    • Lucas

      boa

    • Lazaro

      Gostei!

      • welton

        pra falar a verdade não é uma má ideia; porem eu tiraria os cansativos estaduais pois alem de serem muito longos, não tem serventia nenhuma.
        deixasse para os times pequenos ou de medio porte.

  • Tadeu

    Com certeza estão querendo acabar de acabar com o futebol no Brasil com essa medida.

  • Salatiel

    Basta diminuir as vagas de acesso e manter 4 para o descenso. A mesma coisa da B para a C. Assim teríamos um modelo ideal, 18 times na Série A, com três times caindo e três subindo. É o ideal.

  • Romolo S.

    Sou a favor desses regionais Nordeste: Rio-SP, Sul-Minas, Centro-Oeste e Norte. O nível dos campeonatos seria bem maior, chamaria mais público e até mesmo times do interior seriam beneficiados, o importante é sim ainda ter times do interior dos estados. Poderiam por exemplo no Rio-SP fazer o campeonato com a 1ª divisão de 16 times, os 8 primeiros cada estado. Seria muito bom.

  • Roger Fogão

    ESTÁDIO JOÃO SALDANHA!!!!

    ESSE É O NOME DO VERDADEIRO ESTÁDIO!!!

  • Tiago ESS

    Muito simples: Essa é a oportunidade do calendário nacional se adequar ao mundial.
    Em 2014, estaduais e/ou regionais no primeiro semestre. Após a Copa do Mundo começa o Brasileiro, com 20 clubes, ida e volta, pontos corridos, como é atualmente. Termina em maio de 2015. Tempo para pré-temporada, janela de transferências e recomeço em agosto… E assim sucessivamente nos anos seguintes! Durante a temporada, a Copa do Brasil e os Estaduais completam algumas datas de meio de semana. Os Estaduais deveriam ter os pequenos se enfrentando no início e pegando os grandes numa fase final! Assim, não vamos reclamar de ver tantos jogos que não valem nada e não decretaremos o fim dos times menores!!!!!

  • rogerio

    o ideal seria colocar um estadual com apenas 8 clubes no mata mata e aproveitar mas as copas reginais

  • gio

    TEM QUE ACABAR COM O ESTADUAL OU TER APENAS 10 CLUBES NO CASO DO RJ. ESTADUAL NÃO VALE NADA.

  • COMO PODE HAVER A REDUÇÃO DE TIMES NO CAMPEONATO BRASILEIRO? UM PAÍS COM DIMENSÕES CONTINENTAIS TENDO UM CAMPEONATO DE 18 CLUBES? TÊM É QUE PRIORIZAR O BRASILEIRO E ACABOU! PAREM COM ESSE VIADAGEM DE QUE O RJ E SP SÃO PROTEGIDOS! PARECE COISA DE VIADINHO

  • Tiago

    Boa voltar a copa centro oeste vai ser legal poderia acabar com a quarta divisão e da uma vaga para o campeão na serie C seria uma boa….

  • Pedro

    Campeonatos estaduais são um lixo, prestam para nada e eu não tenho paciência para assistir, pra mim regional só serve para times de Norte e Sul para aumentarem visibilidade, os outros serão como os estaduais. Dá menos gosto de acompanhar esse futebol brasileiro e o pior é que os times fazem nada para lutar contra a CBF>

  • welton

    acho que o foco mesmo seria o brasileirão; pois quem está em reta final de libertadores perde de 6 a 7 rodadas e sem falar no caso de campeão brasileiro na libertadores o foco não será o mesmo e ai vem o mundial no fim de ano e praticamente o brasileirão se resume apenas a não cair.

  • Felipe

    Tem é que diminuir o estadual. São eles que arrebentam o calendário

  • Reduzir na minha opinião o campeonato seria uma injustiça com o futebol brasileiro, o Brasil é um país continental, 20 clubes já é covardia para clubes do eixo Norte e Nordeste, mais essa é minha sugestão para o futebol brasileiro:
    Pré Temporada: Janeiro
    Campeonato Estaduais: 10 clubes (exceto SP com 20 clubes divididos em dois grupos de 10), turno e returno com os 4 primeiros indo para semi e finais. Fevereiro – Março – Abril.
    Copa do Brasil: Fevereiro até Junho (as vagas seriam de acordo com a classificação nos estaduais e não por ranking)
    Campeonato Brasileiro: De Maio até 1º domingo de Dezembro -20 clubes série A e B (mantém regulamento), 64 clubes na série C, dividido em 8 grupos de 8 regionais. Fim da série D (torneio desnecessário que fazem os clubes agonizarem em duas divisões, C e D).

  • LUIS GUSTAVO

    aqui é corinthians!

  • Jorge Guerreiro

    Gostei muito do nome de JOÃO SALDANHA! Fica faltando uma homenagem ao glorioso Nilton Santos.

  • Andre Fogão

    Galera eu não sabia, se você assina o pay-per-view, e sócio do Premiere Futebol Clube. Faça questão de informar que você é botafoguense. Vá no http://sociopremiere.globo.com/ , cadastre-se (botão no canto superior direito) informando seu login no Globo.com (é gratuito, e você pode usar o mesmo que usa para jogar Cartola, por exemplo) e o CPF do assinante do PFC (confira na fatura da sua TV por assinatura). O clube fatura com isso, e não estamos tão bem assim atualmente (veja mais clicando aqui).

  • O certo seria diminuir tudo, para que os jogos da seleção não caiam na mesma data do campeonato brasileiro

  • não deveriam diminuir o número de times do campeonato brasileiro, mas sim o número de rodadas.Adota + -a fórmula do campeonato carioca no brasileirão(os times seriam divididos em 2 grupos de 10 times, no 1º turno jogariam contra os times do outro grupo e os times que terminaram em primeiro em ambos os grupos fazem a final em ida-e-volta para decidir quem é o melhor do 1° turno e no 2°os times jogam dentro de seus grupos, os 1ºs colocados de cada grupo fazem a final para decidirem o campeão do 2° turno) e no final faz um triangular entre os campeões de turno e o time de melhor campanha na soma dos dois turnos(classificação geral).Haveria também uma tabela de rebaixamento final em que os 6 últimos colocados na

  • cswcd

  • Fábio

    Eu acho que o brasileirão deveria ficar com 25 times, sendo que eu mudaria a forma de pontuação, A vitória deveria valer os 3 pontos mais os gols marcados, o empate apenas 1 ponto e a derrota realmente não ter pontuação, neste sentido os times correriam para tentarem ganhar pois além dos 3 pontos o time vencedor iria somar os gols marcados.
    Valeu.

MaisRecentes

Diretor da Chape compara permanência na Série A a título da Champions League



Continue Lendo

Botafogo sai da lista de clubes formadores da CBF. Coritiba retorna



Continue Lendo

Entidades buscam nome para preencher vaga no Tribunal Antidopagem



Continue Lendo