Secretário do Futebol afirma que projeto das dívidas é só para clubes



Da enviada especial a Brasília.

O secretário Nacional do Futebol do Ministério do Esporte, Antônio Nascimento, afirmou nesta quarta-feira que a versão do governo do anteprojeto do Proforte, que será enviado na semana que vem à Secretaria da Fazenda, não contempla a CBF e as federações estaduais, somente os clubes. Nascimento ressaltou que o processo é democrático, e que todos os envolvidos podem emitir suas opiniões, mas o principal problema em envolver as entidades está nas contrapartidas exigidas:

– No projeto do Ministério do Esporte, confederações e federações não entram.  A gente não acha legal. O grande problema fica nas contrapartidas. Você imagina a CBF abrindo uma escolinha de natação? – questionou.

Parte importante do projeto, que visa reestruturar as dívidas dos clubes, prevê que os abatimentos virão a partir de projetos sociais, abertura dos clubes para as comunidades e esportes olímpicos.  A minuta do documento será enviada na próxima segunda-feira para a Secretaria da Fazenda, onde passará por análise e será devolvida ao Ministério,  que definirá se será uma medida provisória.

Na manhã desta quarta-feira, o secretário Nacional do Futebol tinha ficado surpreso com inclusão da CBF e federações no Proforte, durante a apresentação do anteprojeto no Seminário de Gestão Financeira e Formação de Atletas no Clube de Futebol, organizado na Comissão de Turismo e Desporto da câmara.

Embora o projeto tenha sido discutido com Vicente Candido, vice-presidente da Federação Paulista de Futebol e deputado federal (PT-SP), a inclusão das entidades nunca tinha sido colocada em pauta. Candido posicionou-se a favor da medida:

– Acho que é um processo democrático, está em primeira fase, tem muito o que discutir ainda. Acho a importante a inclusão de confederações e federações, tanto as que tem dívidas como as que não tem, para que possam se planejar financeiramente e também utilizar o fundo, incentivando o esporte olímpico – afirmou.

A FPF teve um resultado positivo de R$ 548 mil em 2012.



MaisRecentes

Dentista explica que assimetria facial pode deixar atletas sujeitos a lesões



Continue Lendo

Paris Saint-Germain (FRA) fará ação social na favela da Rocinha



Continue Lendo

Árbitros Fifa do Rio de Janeiro alcançam as maiores notas nos testes teóricos



Continue Lendo