Marin viaja ao Paraguai para dar apoio a Leoz



O presidente e o vice-presidente da CBF, José Maria Marin e Marco Polo del Nero, estão em Assunção, no Paraguai, prestando solidariedade ao presidente da Conmebol, Nicolás Leoz, que anunciou a saída de todos os cargos executivos da Fifa na manhã desta segunda-feira.

Nicolás Leoz convidou ontem os dois dirigentes, já comunicando que iria deixar as suas responsabilidades, por motivos de saúde. Além de manifestar solidariedade, Marin e Marco Polo pediram que o futebol sul-americano não seja deixado de lado e que a saída de Leoz não paralise as competições.

– Estou aqui não só como presidente da CBF, mas também como amigo e companheiro deste grande dirigente que é Nicolás Leoz, que tantos serviços tem prestado em prol da unidade do futebol sul-americano – disse Marin, segundo o site da entidade.

Ainda de acordo com o comunicado da CBF, o presidente do Atlético MG, Alexandre Kalil, também está na comitiva que foi para Assunção, a convite de José Maria Marin. Os dois dirigentes estavam juntos em Belo Horizonte, já para a partida amistosa do Brasil com o Chile que acontece nesta quarta-feira, no Mineirão.

Marco Polo Del Nero, além de vice-presidente da CBF, é presidente da Federação Paulista de Futebol e também é membro do Comitê Executivo da Fifa. Ele foi indicado ao cargo depois da saída de Ricardo Teixeira.


MaisRecentes

Contestado no São Paulo, Aguirre pode dar lugar a Rogério Ceni no fim da temporada



Continue Lendo

Oposição vai pedir que Diego Alves permaneça no Flamengo



Continue Lendo

Oposição se enfurece com Bandeira de Mello e pode pedir a sua exclusão do Flamengo



Continue Lendo