Caixa entra em acordo por financiamento do BNDES



A Caixa Econômica Econômica Federal vai substituir o Banco do Brasil e será o agente repassador do financiamento do BNDES à Arena Corinthians. A coluna apurou que o Banco do Brasil encerrou as negociações com Corinthians e Odebrecht, e já considera certo o acordo com a Caixa. Pessoas ligadas à Odebrecht também confirmam a operação.

A liberação já estava aprovada pelo BNDES, mas o Banco do Brasil, devido ao seu regimento interno, não podia conceder financiamento a clubes de futebol, e exigia da construtora as garantias para o empréstimo. A Caixa, atual patrocinador master do Corinthians, não tem essa limitação, e pode aceitar garantia do clube.

Pelos R$ 400 milhões do BNDES, o Corinthians pagará, durante cerca de 12 anos, aproximadamente R$ 750 milhões. As parcelas começam a ser pagas somente em abril ou maio de 2016 e partem de R$ 70 milhões/ano, diminuindo a cada ano.

A maior parte do dinheiro será utilizada para cobrir o que já foi gasto com a obra, mais de R$ 500 milhões – sendo R$ 250 milhões de empréstimos, e o restante com recurso da própria construtora  Serão necessários ainda os recursos dos CIDs para concluir a construção.

Os recursos são liberados conforme o andamento das obras. Como já passa de 70% de conclusão, boa parte deve ser disponibilizada a curto prazo.



MaisRecentes

Novo diretor de futebol do Fluminense, Paulo Angioni tem três nomes para lugar de Abel Braga



Continue Lendo

Fernanda Colombo deixa a arbitragem, lança livro e quer ser comentarista



Continue Lendo

Audiência pública promete pressionar políticos contra MP que retira recursos do esporte



Continue Lendo