Caixa entra em acordo por financiamento do BNDES



A Caixa Econômica Econômica Federal vai substituir o Banco do Brasil e será o agente repassador do financiamento do BNDES à Arena Corinthians. A coluna apurou que o Banco do Brasil encerrou as negociações com Corinthians e Odebrecht, e já considera certo o acordo com a Caixa. Pessoas ligadas à Odebrecht também confirmam a operação.

A liberação já estava aprovada pelo BNDES, mas o Banco do Brasil, devido ao seu regimento interno, não podia conceder financiamento a clubes de futebol, e exigia da construtora as garantias para o empréstimo. A Caixa, atual patrocinador master do Corinthians, não tem essa limitação, e pode aceitar garantia do clube.

Pelos R$ 400 milhões do BNDES, o Corinthians pagará, durante cerca de 12 anos, aproximadamente R$ 750 milhões. As parcelas começam a ser pagas somente em abril ou maio de 2016 e partem de R$ 70 milhões/ano, diminuindo a cada ano.

A maior parte do dinheiro será utilizada para cobrir o que já foi gasto com a obra, mais de R$ 500 milhões – sendo R$ 250 milhões de empréstimos, e o restante com recurso da própria construtora  Serão necessários ainda os recursos dos CIDs para concluir a construção.

Os recursos são liberados conforme o andamento das obras. Como já passa de 70% de conclusão, boa parte deve ser disponibilizada a curto prazo.



MaisRecentes

Conselheiros do Palmeiras cobram diretor de futebol Alexandre Mattos



Continue Lendo

No Dia do Professor, COB abre inscrições para curso de iniciação esportiva



Continue Lendo

Mau desempenho do time afeta Maurício Galiotte no comando do Palmeiras



Continue Lendo