Caixa irá recorrer de liminar que bloqueia patrocínio ao Corinthians



Através de sua assessoria de imprensa, a Caixa Econômica Federal afirma que irá recorrer da liminar concedida nesta quinta-feira, bloqueando o seu patrocínio ao Corinthians. A instituição, assim como o clube, ainda não foram notificados, e aguardam a citação para tomar providências;

A decisão ocorreu em ação movida pelo advogado Antonio Beiriz, alegando que o patrocinio da estatal ao clube viola as diretrizes de publicidade de entes públicos. Beiriz é autor em outros processos, todos contestando o uso de dinheiro público em ações com entes privados.

Pelo contrato, firmado no final de 2012, a Caixa paga R$ 30 milhões anuais ao Corinthians. Além disso, também patrocina Avaí, Figueirense e Atlético-PR, e está negociando com outros clubes brasileiros. Beiriz afirma que desconhecia os outros acordos, e não descarta entrar na justiça para contestá-los.



MaisRecentes

Oposição se enfurece com Bandeira de Mello e pode pedir a sua exclusão do Flamengo



Continue Lendo

Luiz Felipe Scolari pode ter contrato estendido até 2022 e depois virar manager



Continue Lendo

CBF deve se reunir com clubes para falar de manifestações políticas



Continue Lendo