Comissão do Fla pede auditoria nas contas de 2011



A comissão de finanças do Conselho Deliberativo do Flamengo recomendou a contratação de uma auditoria para examinar as contas de 2011. Diz que alguns números precisam ser detalhados. Aponta que há R$ 7 milhões sem prestação de contas e R$ 32 mi sem fiscalização. Na semana que vem o Conselho irá votar as contas. Uma proposta é que haja uma aprovação com ressalvas. O clube tem medo de deixar de conseguir o patrocínio da Caixa, mas mesmo com isso ainda precisara regularizar a siuação fiscal.

Cartão de visitas
A recém-criada Associação Nacional de Ex-Árbitros (Aneab), liderada pelo ex-Fifa Wagner Tardelli, enviou notificação à CBF. Quer saber da legalidade das decisões da comissão de arbitragem em barrar o assistente Dibert Pedrosa do quadro da Fifa e o árbitro Wagner Rosa, do quadro de aspirantes.

A lebre
A decisão de reabrir a sede social cerca de uma semana da enchente que a devastou foi tomada pela cúpula do São Paulo para mostrar agilidade. Os consertos foram feitos sem ajuda de conselheiros. Parte dos gastos será coberto pelo seguro e parte saíra do caixa do clube.

A tartaruga
O fundo de investimento que deverá bancar a reforma da Arena Tricolor pode demorar um pouco mais. A indefinição sobre o orçamento da cobertura retardou a formatação do fundo. Mas por ora, não se fala em adiar mais uma vez o prazo para o início das obras, hoje marcadao para abril.

Explicação
A Eletrobras explicou que rescindiu o contrato com o Vasco com cinco meses de antecedência porque o clube descumpriu obrigações contratuais. A assessoria de imprensa da estatal avisou que a obrigatoriedade da exposição da marca era só até março e que os outros quatro meses seriam para “as prestações finais de contas”. A diretoria negocia com a Nissan para o espaço master.

Bilingue
O novo Código Disciplinar da Conmebol estabelece português e espanhol como línguas oficiais para os processos. A medida visa evitar casos como o do São Paulo, que teve que traduzir por conta própria as 47 páginas do processo da partida contra o Tigre, julgado com base na lei antiga.

Adversários
O presidente do Conselho Deliberativo do Palmeiras, José Ângelo Vergamini, registrava até ontem `{a noite as candidaturas de Antônio Augusto Pompeu de Toledo (situação) e Eugênio Palazzi (oposição) à sua sucessão. O conselheiro Marcio Papa não deve se candidatar. O prazo acaba hoje.

Investimento
O América MG vai usar todo o dinheiro do Fundo Brahmeiro – provenienente da receita da vanda de cervejas em Minas na reforma do seu centro de treinamento. Os vestiários e a sala de imprensa são os pontos principais do investimento. As obras já estão andando, mas não há uma previsão de quando estará tudo pronto. Os valores não são revelados.

Padrinho
O técnico Abel Braga tem emprego garantido ao menos até o final da fase de grupos da Libertadores. Nem uma eliminação precoce na Taça Guanabara pode custar-lhe  emprego. Além de tudo, Braga é muito amigo de Celso Barros, presidente da Unimed. E só cai se ele concordar.

“Não sei se ele vai conseguir se defender. Não sei se ele vai fugir. O que sei é que ele vai apanhar”, Renato Recchi, conselheiro do Palmeiras, sobre o clima que o presidente Paulo Nobre deve enfrentar na reunião do Conselho, por ter vendido Barcos.



MaisRecentes

‘Rainbow Six Pro League’, no Rio de Janeiro, neste fim de semana, terá premiação milionária



Continue Lendo

Superintendente garante que não há obstáculos para construir no campo do Everest



Continue Lendo

Detalhe técnico pode impossibilitar obra no campo do clube Everest



Continue Lendo