A 10 meses do Mundial de Clubes, agência já fez reservas para Marrocos



A Libertadores ainda nem começou para todos os clubes brasileiros, mas a CVC já se organiza para oferecer pacotes para a final do Mundial de Clubes no Marrocos, em dezembro.

Depois de levar cerca de 2 mil corintianos para o Japão no ano passado, através da Vai Corinthians, a operadora de viagens gostou do mercado e reservou aproximadamente 600 quartos de hotel no país dos jogos e centenas de assentos em companhias áreas.

De acordo com a CVC, o preço de cada pacote vai custar pouco mais da metade da viagem ao último Mundial. O valor médio deverá ficar em cerca de U$ 3.500,00 (R$ 6.800,00).

– O preço da hotelaria no Japão é muito alto. O Marrocos tem uma disponibilidade de hotéis gigantesca e lá vai ser baixa temporada. Tudo isso faz o preço cair. – explicou o gerente de novos negócios da empresa, Bruno Affonso.

Seis clubes brasileiros disputam a Libertadores neste ano: Corinthians, Fluminense, Atlético Mineiro, Grêmio, Palmeiras e São Paulo. A CVC é a operadora oficial do Corinthians e está prestes a anunciar parceria com o Palmeiras, segundo a De Prima apurou.

Com as reservas feitas, fica faltando para a CVC que algum clubes brasileiro, especialmente os que têm contrato com a empresa, seja campeão da Libertadores e garanta a vaga no Mundial. Sobre o risco de isso não acontecer, Bruno Affonso diz que a operação não é nada diferente do que a operadora já está acostumada.

– Vivemos desses riscos. Compramos antes de o consumidor pensar em comprar. Já faz parte do nosso business. Com reservas feitas agora, conseguimos pagar a metade do preço muitas vezes e aumentar nosso lucro ou diminuir os preços.

Em relação aos hotéis, a preocupação é menor, já que um cancelamento não precisa ser feito com tanta antecedência. Mas o caso das companhias aéreas é diferente. A CVC precisa confirmar as reservas antes mesmo da final da Libertadores, cerca de cinco meses antes do Mundial.



MaisRecentes

Governo admite que errou em MP que retira recursos do esporte



Continue Lendo

Sem resposta de Zé Ricardo, Milton Mendes entra no radar do Botafogo



Continue Lendo

Novo diretor de futebol do Fluminense, Paulo Angioni tem três nomes para lugar de Abel Braga



Continue Lendo