Arena Corinthians estuda alternativa



A Odebrecht já procura alternativas ao empréstimo do BNDES para financiar a Arena Corinthians. Uma ideia é a emissão de debêntures, títulos com juros e prazos pré-fixados, para atrair investidores. Esses títulos teriam juros menores do que os cobrados pelos bancos, evitando novo empréstimo-ponte.  A prioridade, no entanto, é um acordo com o Banco do Brasil, para liberar o dinheiro do BNDES.

Tecnocracia
Membros da chapa de Paulo Nobre mostram-se preocupados com a falta de traquejo político do candidato a presidente do Palmeiras e seus auxiliares mais diretos. Mas estão animados com a promessa do candidato de contratar profissionais do Itaú para cuidar das finanças do time, caso seja eleito.

12  x 0
O COF se reúne na segunda-feira, antes da eleição do próximo presidente do Palmeiras pelo Conselho Deliberativo. As primeiras informações dão conta de prejuízo recorde no mês de dezembro de 2012. Como todos os demais balancetes foram reprovados, o COF deve fazer uma reprovação do consolidado do ano todo.

Chevrolet
A Federação Pernambucana negocia com a Chevrolet patrocínio secundário para o Campeonato Pernambucano deste ano. O patrocínio máster é impossível, porque há contrato com a Coca-Cola até 2014. A Chevrolet vai patrocinar 20 dos 27 campeonatos estaduais (incluindo DF) nas próximas duas temporadas.

Na telona
Apesar da má fase do clube, o filme “Palmeiras – O Campeão do Século”, terá investimento superior ao das últimas películas dos rivais. A captação de R$ 2,3 milhões autorizada pelo Ministério da Cultura supera os orçamentos de R$ 2,2 milhões de “Todo Poderoso: o Filme”, do Corinthians, e os R$ 1,2 milhão de “Soberano 2”, do São Paulo.

Chumbo no Dinamite
Grupos de oposição do Vasco, como o de Fernando Horta*, a Cruzada e o MUV e alguns conselheiros, negociam a formação de uma frente ampla de oposição. Já houve cinco reuniões e está decidido que até 2014 não será lançado nenhum candidato a presidente. As próximas eleições no clube acontecem no final de 2014.

* Por um erro de redação o nome do conselheiro Fernando Horta foi grafado inicialmente como Francisco Horta

Mario Rousseff
Onze meses depois de sua eleição, o presidente do Corinthians, Mario Gobbi , desvinculou sua imagem do antecessor Andrés Sanchez. Vários conselheiros e diretores, que na gestão passada idolatravam Sanchez, agora têm pouco contato com ele.  E dizem que o ambiente no clube nunca esteve tão pacífico.

No pântano
As coordenações das obras das Arenas Manaus e Cuiabá negam que as construções estejam atrasadas. A de Cuiabá está com 55% das obras completas e evoluiu apenas 8% em seis meses. Já a de Manaus está tem 51,4% dos trabalhos concluídos. Ambas dizem que vão entregar no prazo, mas especialistas no assunto consideram a meta irrealistica.

Estrela
A primeira edição do WTA de Florianópolis, no final de fevereiro, terá uma grande estrela do tênis mundial. Venus Williams (dona de sete títulos de Grand Slam) negociou sua participação com a Confederação Brasileira de Tênis. O anúncio será feito nesta tarde. O torneio dará US$ 235 mil em prêmios.

DE LETRA
“Os conselheiros do Palmeiras vão ter uma “pizzaite” (sic). É pizza toda noite. A partir da semana que vem ninguém vai querer saber de pizza”
Gilto Avallone, explicando o cardápio dos jantares diários que os candidatos têm feito desde a semana passada e até o fim desta.



  • nelson

    Atenção senhores editores: FRANCISCO HORTA, é tricolor e não vascaino. Acho que vocês queriam ou querem dizer FERNANDO HORTA.

  • Alemao

    ELEIÇÕES NO VASCOCO SÓ EM DEZEMBRO DE 2014!!!XIII ATÉ LA JÁ FOI PARAR NA SERIE C HEHEHEHEHEHE…SÓ ZUANDO MESMO O DINAMITE É UM GRANDE DIRIGENTE, TORÇO POR ELE NO VASCOCO POR MAIS UM TRIÊNIO.

  • Torço muito para o Dinamite ficar pelo menos até acabar o vasco de vez.

  • Santista invejoso

    O Grêmio construiu o estádio novo com empréstimo do BNDES.
    O Inter já conseguiu a liberação do empréstimo do BNDES para o novo Beira-Rio.
    Por que no caso do Corinthians está tão enrolado?

  • Santista invejoso

    Mas a Arena Corinthians não ia ser construída com dinheiro público? O governo não ia pagar a obra?

    • Leo

      E por acaso o BNDS é privado????? Burrito pracarai…

      • Jason Soberano

        Boa Leo!!!
        KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
        Não bastasse doarem o terreno (não que seja isso uma exclusividade do SCCP, até nisso nós fomos “ANTIS”), a prefeitura retirar processo de execução fiscal e de reintegração de posse, os responsáveis por assumirem a gestão da construção e dos recursos ainda não conseguiram uma forma de apresentar as garantias necessárias para a liberação do financiamento por parte do BNDES. Minha sugestão: corre e pede ajuda do Lula ou do Ricardo Teixeira – olha a fria que esses dois colocaram o SCCP.
        Espero que os futuros debenturistas invistam na Odebrecht e não no SCCP, porque senão já sabemos – e não é porque é o SCCP não, mas sim porque é Brasil – que terão trabalho para resgatar o direito. Seria, talvez um bom investimento? Depende de quanto estaremos falando e de quais tempos estaremos falando. Do tempo de resgate da debênture e do tempo em que o SCCP irá ficar sem ver a cor da renda e da exploração da nova arena.

      • Rodrigo Muniz

        O BNDS empresta dinheiro, ele não dá dinheiro pra ninguém! Pessoas inteligentes sabem disso, pessoas inteligentes sabem tbm q o dinheiro público q falam não é dinheiro q o Governo vai dar para o Corintians!! São incentivos fiscais, vão deixar de cobrar impostos absurdos que cobrariam, e como a obra causará o desenvolvimento da região e tbm terá um grande projeto social ao lado da Arena as pessoas inteligentes sabem que o Município terá um grande retorno com a Arena e por isso nada mais justo do que esses incentivos, que aliás, é dado a qualquer empresa que quiser se instalar na região! Ah, pessoas inteligentes sabem q o comentário do Santista Invejoso foi irônico…e tbm sabem q ele não é santista! Aqui é Corinthians!

      • Tita

        Nossa o seu nickname ja diz tudo Santista Invejoso , paga 3 milhoes pra um jogador , desmancham um monte de outras modalidades , tem um presidente pifio , e ainda nao sabe se informar sobre dinheiro publico , leia bem antes de sair falando asneira !!!

  • O vasco está em decadencia, o salario dos jogadores para o ano de 2013 vai ser semestral kkkkk

    cada jogador vai receber 2 vezes por ano apenas kkkkkkk

  • Tem é que tirar o “CORONEL ODORICO DA GAMA” de lá pro Vasco poder respira sossegado.
    Como tem pessoinhas que se dizem torcedores do Vasco que são baba ovo do “CORONEL ODORICO”.

  • Wilson

    É o seguinte, nós estamos com dificuldades para liberar a grana do BNDES porque o Banco do Brasil está com graça, certo ?. Legal, basta paralizar as obras e contar com o desespero do governo e comite da copa pelo atraso. Eles virão correndo liberar a grana, ou não terão copa em São Paulo.

  • Marco Freitas

    Gilto Avallone que é um grande colabirador desta coluna.

  • Marco Freitas

    *colaborador

  • Daniel

    Dinamite tem que continuar no vasquinho, o melhor presidente do que ja teve por la

  • haghios

    A corinthianada disse que estão nadando no Dinheiro … e a Ordebrecht dona de fato e de direito da tal Arena Corinthians … anda correndo com o Penico na Mão atrás de uns trocados para terminar o tal estádio .. BNDES…. Caixa… Banco do Brasil …. etc….. vamos ajudar o Corinthians á acabar seu estádio ….. e ainda dizem que 40 milhões de reais … pagos pelo Pato .. foi dinheiro de Pinga…. mas pobre é assim mesmo …. Come um marmitex e arrota Caviar …. S.O.S … Itaquerão …

  • thales

    não tem notícia do flamengo? Ahh, então não vai passar dos 50 comentários.. SE botasse uma noticia de 3 linhas só do flamengo, já seria suficiente pra dar mais audiência que qualquer publicação que cite vasco, palmeiras, corinthians, são paulo, .. juntos! SRN

  • Jason Soberano

    Com certeza os caras não tem embasamento para responder à altura das gozações. Daqui a pouco virão com historinha disso, daquilo, vão desenterrar o Governador e colocar o nome do Natel no meio. Jogo das barricas e por aí vai.
    O que acontece é o seguinte: com a venda de debêntures, a Odebrecht estará atraindo investidores, dividindo a participação de acordo com a quantidade de títulos adquiridos. Isso é uma maneira de atrair recursos, com uma promessa de pagamento a médio ou longo prazos. Uma das vantagens ao se emitir debêntures é que o custo do capital é relativamente muito baixo, já que o próprio emissor propõe a taxa de juros e os prazos para o respectivo pagamento.
    Resta saber se os títulos a serem emitidos realmente apresentarão alguma vantagem ao mercado financeiro. Pois somente com vantagens oferecidas é que os investidores serão captados. E, como o mercado está aquecido em alguns setores, mais do que em outros, nunca se sabe.
    Boa alternativa da Odebrecht, resta saber agora quanto tempo levará para o estádio ser realmente do SCCP. De resto, só vejo que essa dificuldade toda é fruto das mazelas políticas cometidas pelos Srs. Ricardo Teixeira e Luís Inácio.
    Só para lembrar, antes que algum super-especialista em mercado financeiro venha a escrever alguma resposta gigantesca, minha explicação foi bem grosseira, apenas com o intuito de tentar melhor ilustrar a estratégia financeira supostamente adotada pela construtora.
    E, gostaria de sugerir um nome para a nova arena, aproveitando que o SCCP quer negociar até os “naming rights” da nova arena. Acredito que o nome da nova arena deveria ser “Organização Odebrecht”, assim, quem sabe, daria para reduzir o tempo de exploração da construtora sobre o novo estádio. Aí, talvez, em uns 30 anos, a galinhada pode realmente dizer que possuem um estádio!

  • Eu já afirmei várias vezes que a Mídia, de um modo geral, sempre super-dimensiona tudo que se ao Corinthians, inclusive as mentiras. Taí o exemplo, como que eles afirmam descaradamente que é um time rico, mas está de Pires na mão implorando por esse empréstimo para a Odebrecht terminar as obras do ITAQUERÃO? Como dizia um turco da minha terra ” de papo eu tô cheio”!!! rssssss!!!!!

  • Ado Marcelo

    Não importa agora se você é a favor ou contra o empréstimo do banco, o que importa é honrar o compromisso assumido.

MaisRecentes

Vadão está de volta à Seleção Brasileira feminina



Continue Lendo

Árbitro da final da Copa do Brasil é cruzeirense. Mas isso não tem a ver com futebol



Continue Lendo

Ana Paula Oliveira vê árbitro de vídeo como ajuda e confia em bom treinamento



Continue Lendo