Dirigentes do Palmeiras pegam carro da GM “escondido” e causam acidente



Diretores do Palmeiras bateram o carro recebido na saída da sede da FPF

Diretores do Palmeiras bateram o carro recebido na saída da sede da FPF

A atual administração do Palmeiras adicionou nesta quinta-feira mais um vexame à sua coleção.

Representantes do clube foram à Federação Paulista de Futebol participar da cerimônia da entrega de automóveis Cruze, da GM, a todos os 20 clubes da Série A-1. A GM patrocina o Campeonato Paulista.

Na cerimônia, o presidente Arnaldo Tirone disse que não poderia aparecer aceitando o presente porque o Alviverde é patrocinado por uma empresa concorrente, a montadora sul-coreana Kia. E assim não participou do momento oficial da entrega do carro ao clube.

Mas, depois, aproveitando-se de que todos tinham ido embora e ninguém estava olhando, Tirone, o gerente de Marketing, Rodrigo Geammal, e o tesoureiro Sérgio Granieri, foram enfim receber o presente. Tirone ficou no banco do carona, abaixado.

Na saída, Granieri colidiu o carro com um Fiesta que também estava saindo da garagem da federação. Ninguém ficou ferido.



MaisRecentes

Pedro Abad pode deixar o comando do Fluminense ainda em 2018



Continue Lendo

Contratação de Felipe Melo pelo Flamengo faz parte de ‘presente de Natal’ pedido por Abel Braga



Continue Lendo

Após confirmação de Valentim em 2019, goleiro Martín Silva deve sair do Vasco



Continue Lendo