Beira-Rio terá verba antes de Itaquera



O Beira-Rio receberá antes do Itaquerão a verba do financiamento do BNDES. Os recursos do estádio estão divididos em dois contratos: um terço dos R$ 271,5 milhões é contratado direto com o BNDES, e só depende de burocracia para ser liberado. Os outros 2/3, com um consórcio entre Banrisul e Banco do Brasil. Já o Itaquerão terá os R$ 400 milhões contratados Banco do Brasil, ainda condicionados à apresentação de garantias.

Sedução lusa
A Portuguesa decidirá no fim de semana as mudanças no programa de sócio-torcedor, visando manter a torcida durante a disputa da Série A2 do Paulista. Serão definidos preços de ingressos e promoções em alguns setores do Canindé, para que os torcedores apoiem o clube durante a competição.

Eleição
A campanha eleitoral do Palmeiras evidencia a diferença de estilo dos candidatos a presidente. Décio Perin, conselheiro há mais de 30 anos, faz questão de conversar com cada eleitor pessoalmente. Já seu adversário, Paulo Nobre, tem uma equipe de colaboradores, que telefona pedindo voto no candidato.

Furou
Fracassou no fim do ano passado uma negociação entre a Traffic e a GM pelos naming rights da Copa do Brasil de 2013. O acordo esteve por um fio, mas o negócio furou. Neste ano, as conversas foram retomadas, mas o valor oferecido pela GM caiu substancialmente, deixando o acordo bem distante.

Outro lado
O ex-presidente do Internacional Fernando Carvalho diz ser advogado do fundo Liga Participações e Investimentos. O gestor é o empresário Meer Kaufmann. O fundo é sediado em São José dos Pinhai, no Paraná, tem cerca de uma dúzia de atletas e, segundo Carvalho, não negocia nem com o Internacional, nem com oprincipal rival, o Grêmio.

Arena
As arquibancadas da Arena da Amazônia devem ficar prontas em abril. As obras estão 50,6% concluídas, dentro do previsto, segundo representantes da Andrade Gutierrez. Nesse período, a construtora vai trabalhar com o número máximo de funcionários, cerca de 1.900, e iniciar a montagem da cobertura metálica.

Completo
Além de Nenê, o Santos não deve ir atrás de mais nenhum reforço, exceto num negócio de oportunidade. O presidente interino Odílio Rodrigues diz que o Santos está com “um elenco muito bom”, em condição de disputar todos os campeonatos de 2013. A conversa com o volante Marcos Assunção, que não renovou com o Palmeiras, está numa fase inicial.

Estádio de água
O movimento Muda CBDA levantou os contratos entre a CBDA e os Correios que conclui que a estatal pagou R$ 158 milhões em 21 anos para a confederação, sem contar a atualização monetária. O Muda CBDA tenta emplacar um candidato de oposição e impedir a reeleição de Coaracy Nunes em dois meses.

Marin
O primeiro ano de CBF não foi suficiente para fazer o presidente, José Maria Marin, mudar de discurso quanto a seu futuro, nem para amigos. Nas festas de fim de ano, Marin, disse que continua decidido a não se candidatar quando seu mandato terminar, em 2015. Na época, estará perto de completar 83 anos.

DE LETRA
“Ficamos muito tristes, ele também ficou. Pedimos que ele ficasse, mas ele quer jogar mais um ano e ganhar mais em outro lugar. Coisas do futebol”
Antonio Henrique Silva, diretor financeiro do Palmeiras, sobre a saída de Marcos Assunção.



MaisRecentes

Final da Libertadores desperta interesse do espectador brasileiro e audiência explode



Continue Lendo

Pedro Abad pode deixar o comando do Fluminense ainda em 2018



Continue Lendo

Contratação de Felipe Melo pelo Flamengo faz parte de ‘presente de Natal’ pedido por Abel Braga



Continue Lendo