Deputado será aliado dos clubes brasileiros



O deputado federal Otávio Leite (RJ), iniciará em fevereiro uma mobilização de deputados de diversos partidos e estados para conseguir que o Governo Federal adote um plano de recuperação financeira para os clubes. Otávio Leite, que esteve na posse do presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira, espera que o governo aproveite a oportunidade da Copa do Mundo para levar à frente o projeto, com a condição de os clubes adotarem um modelo com transparência.

Esportes olímpicos
O deputado federal Otávio Leite planeja organizar uma discussão na câmara, também em fevereiro, para que seja definida a regulamentação da divisão dos R$ 60 milhões do Governo Federal, destinados aos clubes formadores de atletas olímpicos. O valor até o momento está parado na poupança da CBC.

Contestado
A afirmação do gerente de futebol do Palmeiras, Cesar Sampaio, de que a diretoria vai reduzir a folha salarial do elenco foi rebatida por conselheiros do clube. Os principais argumentos são o salário do recém-chegado do goleiro Fernando Prass, o aumento salarial de Barcos e a presença de jogadores com contrato até 2014 e que não são aproveitados.

Otimismo
O departamento de marketing do Santos espera ter um crescimento de 10% a 15% em patrocínios neste ano. Mesmo sem a definição de um patrocinador principal, o clube acredita que é possível aumentar o faturamento. Dos atuais parceiros do clube, a Seara é a única marca que confirmou a renovação de contrato.

Orçamento
A folha de pagamento da Portuguesa no primeiro semestre deste ano não terá nenhum jogador com salário que ultrapasse a faixa entre 30 e 40 mil reais. A diretoria do clube paulista não quer fazer altos investimentos, já que terá suas receitas drasticamente reduzidas por disputar a Série A2 do Campeonato Paulista.

Em risco
A Procuradoria Geral da Fazenda Nacional ainda pode recorrer à decisão de redução das penhoras do Fluminense, em terceira instância, pelo Supremo Tribunal Federal. O judiciário entrou em recesso após o dia 19 de dezembro, dia da decisão da Justiça de reduzir a penhora de R$ 6 milhões para R$ 2,4 milhões, referentes ao prêmio do Campeonato Brasileiro.

Finanças
O vice-presidente de finanças do Vasco, Nelson de Almeida, disse que o planejamento administrativo do clube ainda não está pronto e reconhece que para cumprir o prazo estatutário, a equipe precisou apresentar uma proposta orçamentária para 2013. O dirigente confirmou a redução de funcionários, mas ainda não se sabe de quanto e em quais setores.

Pés no chão
Com parte das obras atrasadas, a construtora WTorre já trabalha com número máximo de funcionários para a conclusão da Arena Palmeiras. Segundo a empresa responsável, a reforma não vai ser mais rápida com mais pessoas , já que o atual momento depende de fatores externos.

Definido
O Conselho Deliberativo do Vasco vota novamente o balanço de 2011 no dia 4 de fevereiro, conforme ficou tratado entre Roberto Monteiro, presidente em exercício do CD e Hélio Donin, presidente do Conselho Fiscal. Donin começará analisar as correções amanhã dos itens que precisam de ajustes.
DE LETRA

“O que tinha de ser cortado do orçamento era a gordura, que são os parentes do Roberto Dinamite. Não a carne e sair demitindo funcionários sem estudo”, Leonardo Gonçalves, presidente da Cruzada Vascaína, sobre a aprovação da proposta de orçamento.



MaisRecentes

Novo diretor de futebol do Fluminense, Paulo Angioni tem três nomes para lugar de Abel Braga



Continue Lendo

Fernanda Colombo deixa a arbitragem, lança livro e quer ser comentarista



Continue Lendo

Audiência pública promete pressionar políticos contra MP que retira recursos do esporte



Continue Lendo