Deputado será aliado dos clubes brasileiros



O deputado federal Otávio Leite (RJ), iniciará em fevereiro uma mobilização de deputados de diversos partidos e estados para conseguir que o Governo Federal adote um plano de recuperação financeira para os clubes. Otávio Leite, que esteve na posse do presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira, espera que o governo aproveite a oportunidade da Copa do Mundo para levar à frente o projeto, com a condição de os clubes adotarem um modelo com transparência.

Esportes olímpicos
O deputado federal Otávio Leite planeja organizar uma discussão na câmara, também em fevereiro, para que seja definida a regulamentação da divisão dos R$ 60 milhões do Governo Federal, destinados aos clubes formadores de atletas olímpicos. O valor até o momento está parado na poupança da CBC.

Contestado
A afirmação do gerente de futebol do Palmeiras, Cesar Sampaio, de que a diretoria vai reduzir a folha salarial do elenco foi rebatida por conselheiros do clube. Os principais argumentos são o salário do recém-chegado do goleiro Fernando Prass, o aumento salarial de Barcos e a presença de jogadores com contrato até 2014 e que não são aproveitados.

Otimismo
O departamento de marketing do Santos espera ter um crescimento de 10% a 15% em patrocínios neste ano. Mesmo sem a definição de um patrocinador principal, o clube acredita que é possível aumentar o faturamento. Dos atuais parceiros do clube, a Seara é a única marca que confirmou a renovação de contrato.

Orçamento
A folha de pagamento da Portuguesa no primeiro semestre deste ano não terá nenhum jogador com salário que ultrapasse a faixa entre 30 e 40 mil reais. A diretoria do clube paulista não quer fazer altos investimentos, já que terá suas receitas drasticamente reduzidas por disputar a Série A2 do Campeonato Paulista.

Em risco
A Procuradoria Geral da Fazenda Nacional ainda pode recorrer à decisão de redução das penhoras do Fluminense, em terceira instância, pelo Supremo Tribunal Federal. O judiciário entrou em recesso após o dia 19 de dezembro, dia da decisão da Justiça de reduzir a penhora de R$ 6 milhões para R$ 2,4 milhões, referentes ao prêmio do Campeonato Brasileiro.

Finanças
O vice-presidente de finanças do Vasco, Nelson de Almeida, disse que o planejamento administrativo do clube ainda não está pronto e reconhece que para cumprir o prazo estatutário, a equipe precisou apresentar uma proposta orçamentária para 2013. O dirigente confirmou a redução de funcionários, mas ainda não se sabe de quanto e em quais setores.

Pés no chão
Com parte das obras atrasadas, a construtora WTorre já trabalha com número máximo de funcionários para a conclusão da Arena Palmeiras. Segundo a empresa responsável, a reforma não vai ser mais rápida com mais pessoas , já que o atual momento depende de fatores externos.

Definido
O Conselho Deliberativo do Vasco vota novamente o balanço de 2011 no dia 4 de fevereiro, conforme ficou tratado entre Roberto Monteiro, presidente em exercício do CD e Hélio Donin, presidente do Conselho Fiscal. Donin começará analisar as correções amanhã dos itens que precisam de ajustes.
DE LETRA

“O que tinha de ser cortado do orçamento era a gordura, que são os parentes do Roberto Dinamite. Não a carne e sair demitindo funcionários sem estudo”, Leonardo Gonçalves, presidente da Cruzada Vascaína, sobre a aprovação da proposta de orçamento.



MaisRecentes

Campanha ajuda Fortaleza a trazer de volta atacante Osvaldo



Continue Lendo

Ferj se surpreende com informalidade da prefeitura do Rio de Janeiro



Continue Lendo

Elenco do Palmeiras pede por Deyverson, Felipão dá chance, mas diretoria quer negociá-lo



Continue Lendo