Marinha dos EUA encerra patrocínio ao UFC



A Marinha dos Estados Unidos, um dos principais patrocinadores do UFC, optou por não renovar a parceria. A U. S. Marine Corps, como é chamada no país, pagava à organizaçãocerca de US$ 2,1 milhões anuais, e vinculava seu nome ao segmento “Keys to Victory (Chaves para a vitória)”, que mostrava estatísticas dos lutadores e o que deveriam fazer para vencer.

A razão oficial dada pelo órgão militar, que também tem acordos comerciais com outras entidades esportivas como a NBA, foi a mudança no plano de investimentos. A Unite Here, associação de ex-militares, diz entretanto que o real motivo foram entrevistas homofóbicas e machistas de alguns atletas ligados à entidade.



MaisRecentes

Arena da Baixada recebe evento com forças da segurança pública do Paraná



Continue Lendo

Justiça determina que eleição no Volta Redonda tenha urna para sócios ‘sub judice’



Continue Lendo

Sucesso na temporada faz Fortaleza crescer nas redes sociais



Continue Lendo