COF pode punir Tirone por contrato



Membros do COF discutem se irão responsabilizar pessoalmente o presidente Arnaldo Tirone pela contratação do novo gerente de Marketing. O publicitário Rodrigo Geammal foi contratado na última sexta-feira, dois meses antes do final do mandato de Tirone, com contrato até o final de 2013. O contrato possui multa em caso de rescisão unilateral. A contratação não recebeu respaldo de nenhum pré-candidato.

Mais chumbo
A reunião do COF na quinta-feira deve ser mais quente do que de costume. O presidente Arnaldo Tirone será cobrado por contratos que assinou contra recomendações do COF. E por ter dito que Cesar Sampaio fora contratado como funcionário, mas que seria por tempo determinado, até o fim de 2013, e com multa.

No caixa
O patrocínio da Caixa para o Corinthians não envolve a compra de naming rights para a Arena de Itaquera. O departamento de Marketing do banco calcula que o apoio será pago com a renda gerada pela emissão de 1 milhão de cartões de créditos extras. Outros produtos bancários serão lançados nos próximos meses.

A toque de caixa
O contrato de Adidas só será votado no Conselho Deliberativo do Flamengo após a eleição do dia 3 de dezembro. O motivo principal é a falta de tempo para convocar a votação. O documento só chegou ao clube no dia 16. As comissões jurídica e financeira do CD e o Conselho Fiscal precisam dar pareceres. O presidência do CD fala em fazer a reunião no dia 6 ou 7.

Champanhe
A 40 dias do fim do ano, o presidente do Vasco, Roberto Dinamite, definiu a comissão para elaborar o orçamento de 2013. Depois de redigido, o documento ainda precisará passar pelo Conselho Fiscal e depois pelo Conselho Deliberativo. Não está descartado que o orçamento só seja votado perto do Reveillon.

Mão dupla
O ex-diretor das categorias de base do São Paulo Renê Simões está bem cotado para ser o substituto na CBF de Ney Franco, que está desde julho no Tricolor. Na CBF, Franco criou um canal de comunicação com a base de 60 clubes do país que tinha entre os objetivos, uniformizar métodos de trabalho dos treinadores.

Intenção de voto
Pesquisa realizada pela chapa do candidato Ronaldo Gomlevsky aponta que há 49% de indecisos na eleição para presidente do Flamengo. Entre os 280 associados que disseram ter candidato, Patricia Amorim lidera com 19%, seguida por Eduardo Bandeira (14%), Gomlevsky (9%), Jorge Rodrigues (6%), Lysias Itapicurú (2%) e Maurício Rodrigues (1%).

Falha cruel
O Fluminense não sabe quando recolocará no ar o site para a adesão ao sócio-futebol. Lançado há uma semana, o site registrou 2.043 adesões e depois caiu por excesso de tráfego. O clube calcula que cerca de 4 mil inscrições deixaram de ser feitas pela internet. Ainda não foi calculado qual será o prejuízo.

Sem moral
Se a presidente Patrícia Amorim não for reeleita, o diretor de futebol Zinho não deverá ficar no Flamengo. No encontro dos candidatos de oposição, a maioria descartou o dirigente. A Chapa Azul é a única que ainda não tomou uma posição. O contrato de Zinho vai até o fim deste ano.

DE LETRA
“Estou disposto a abrir mão da minha candidatura para vencermos a Patricia Amorim. Temos grandes chances de vencer se acontecer essa união.”
Lysias Itapicurú, candidato à presidência do Flamengo, sobre a possível união das chapas da oposição.



MaisRecentes

Governo admite que errou em MP que retira recursos do esporte



Continue Lendo

Sem resposta de Zé Ricardo, Milton Mendes entra no radar do Botafogo



Continue Lendo

Novo diretor de futebol do Fluminense, Paulo Angioni tem três nomes para lugar de Abel Braga



Continue Lendo