Patricia Amorim está liberada para tentar a reeleição para presidente



A maioria dos conselheiros que pertencem ao Conselho de Administração do Flamengo votou a favor da candidatura e a presidente Patricia Amorim poderá tentar a reeleição em dezembro, durante a reunião da noite desta quinta-feira, na Gávea, para homologar as chapas para concorrer na eleição presidencial. A não aprovação das contas de 2011 foi o motivo do pedido de quatro impugnações contra a dirigente.

O Conselho de Administração do Flamengo é composto por 100 conselheiros, mas somente 81 votaram durante a definição da homologação das chapas., 58 consideraram que a atual mandatária tem condição de participar do processo eleitoral, 22 votam contrários à participação e um voto foi nulo.

Além de Patricia Amorim, os candidatos Jorge Rodrigues e Wallim Vasconcellos, respectivamente, serão avaliados pelos conselheiros nesta noite de quinta-feira.

Jorge também no páreo

O candidato Jorge Rodrigues também poderá participar da eleição em dezembro deste ano. E está liberado com a aprovação de 72 conselheiros. Somente nove foram contrários.  O contrato da Triunfo com o Flamengo, empresa de Jorge Rodrigues, foi o motivo do pedido de impugnação.

(Bruno Braga e David Nascimento)



MaisRecentes

Vasco sofre mais uma derrota em ação movida pelo Espetto Carioca



Continue Lendo

Gestão de associação coloca clubes de Santa Catarina na vanguarda do futebol



Continue Lendo

Internet e canais de filmes podem transmitir jogos do Brasileirão a partir de 2019



Continue Lendo