Conselheiros do Palmeiras descartam votação de sócio-torcedores nas diretas em 2014



A maioria dos conselheiros de diversos grupos políticos no Palmeiras descartam a participação de sócio-torcedores nas eleições presidenciais diretas de 2014. O motivo é o fato de que o funcionamento do instituto no clube é completamente terceirizado e não encontra previsão no estatuto do clube.
Segundo os conselheiros, o debate pela inclusão estatutária e criação de uma política clara para sócio-torcedores no Palmeiras é um processo longo e trabalhoso, e deverá estabalecer um tempo mínimo de filiação para os votantes, o que impedirá a participação no pleito.



MaisRecentes

Na torcida por Cristiano Ronaldo, atacante João Carlos estará no banco do Flu neste sábado



Continue Lendo

Bioquímico que defendeu Guerrero pede que processos não sejam “inquisição moderna”



Continue Lendo

Palmeiras pode receber proposta pelo lateral Victor Luis



Continue Lendo