Corinthians-Iveco falha e sobra mico



Depois de quatro meses de negociação, Corinthians e Iveco acabaram num impasse um tanto quanto bizarro. O acordo pelo patrocínio master foi descartado, mas a Iveco, acreditando no sucesso, mandou fazer um monumento de quatro toneladas em forma da camisa do time, com o seu logo esculpido, para entregar ao clube na assinatura. Como o acordo furou, o Corinthians não sabe como receber a homenagem. A diretoria avalia que a Iveco se precipitou ao ativar o patrocínio, mas estuda uma forma de ligar o monumento à conquista da Libertadores. A Iveco estampou a camisa do clube nas semifinais e finais do torneio. A ideia inicial de pôr a obra no terreno do futuro estádio é ainda a hipótese mais provável.

Família dividida
O núcleo duro dos amigos do técnico Luiz Felipe Scolari no Palmeiras rachou. Aliados próximos do treinador criticam o preparador de goleiros Carlos Pracidelli por “forçar” a escalação de Bruno, que tem falhado seguidamente, e o assistente Flávio Murtosa por convencer o técnico a escalar jogadores como Leandro Amaro e Marcio Araújo.

Cartão torcedor
A Brahma acertou com o Wall Mart para o programa de cartão de descontos que pretende impulsionar os programas de sócio-torcedores dos clubes. O acordo vai beneficiar principalmente os clubes do Nordeste, porque o Wall Mart é dono da rede Bompreço, a maior da região. O Wall Mart é a terceira rede do Sudeste.

Pistolão sem pólvora
Conselheiros do Palmeiras criticam a diretoria por não obter vitórias no STJD, mesmo com a presença no departamento jurídico de Marco Polo Del Nero Filho, filho da eminência parda de José Maria Marin na CBF. Domingo, Bernard, do Atlético-MG, jogou com efeito suspensivo e fez dois gols sobre o Palmeiras.

Direito de resposta
A presidente do Flamengo, Patricia Amorim, vai à Justiça para ter direito de resposta a reportagem que diz que ela contratou 25 parentes e/ou pessoas ligadas ao Flamengo em seu gabinete na Câmara Municipal do Rio. Amorim afirma que as acusações visam desgastá-la diante dos sócios, mas não esclareceu o que pretende contestar.

Bolada no tacape
Segundo o governo do Rio de Janeiro, o estado está em tratativas finais com a Conab para comprar o terreno onde hoje fica o Museu do Índio, no entorno do Maracanã. É quase certo que a área terá que ser demolida para abrir espaço de acesso ao estádio, principalmente por causa de exigências da Fifa com segurança.

Caminho alternativo
O Conselho Fiscal do Vasco colocou os relatórios sobre as parcerias com a Penalty e Torcedor Afinidade como anexos do parecer das contas de 2011, do qual pediu a rejeição. Por causa disso, a oposição deve cessar a pressão sobre o presidência do Conselho Deliberativo, para que enviasse a todos os conselheiros esses relatórios.

Esqueceram de mim
Quatro meses após ser aprovado no São Paulo, o busto do presidente Juvenal Juvêncio no CFA de Cotia ainda não saiu do papel. Segundo a presidência do Conselho Deliberativo, cabe à diretoria administrativa a execução. No mesmo pé está o batismo do alojamento de Cotia com o nome do presidente.

DE LETRA
“Ficar na Série B ganhando R$ 700 mil é moleza. Por esse salário, trabalho até no inferno. Quero ver é ele abrir mão do pagamento”
Seraphim del Grande, conselheiro do Palmeiras, sobre a declaração do Felipão de que cairá “junto com o time” caso o Palmeiras seja rebaixado



MaisRecentes

Valorizado após a Copa do Mundo, Fágner tem proposta do Napoli-ITA



Continue Lendo

Fora de painel com ídolos em São Januário, Pedrinho deve entrar na próxima expansão



Continue Lendo

Neymar é o alvo do Real Madrid para o lugar de Cristiano Ronaldo, revela jornalista espanhol



Continue Lendo