AG usa sobra de concreto e reduz custo do Beira-Rio



A Andrade Gutierrez está usando a sobra de concreto das marquises que estão sendo removidas no Beira-Rio para transformá-las em brita reutilizável para a obra. A iniciativa reduz custo e faz parte de medidas para garantir o selo verde da reforma. A obra alcançou o índice de 33% de conclusão.



MaisRecentes

Liberada a construção de prédios no terreno do clube Everest



Continue Lendo

Instabilidade política do Vasco garante Alberto Valentim no comando



Continue Lendo

Sem apoio político, Pedro Abad perde força no Fluminense



Continue Lendo