Decisão de presidente do Conselho do Fla agrada parcialmente aos dois lados



A decisão do presidente do Conselho Deliberativo do Flamengo, Sylvio Capanema, de abrir uma comissão preliminar que vai apurar o fundamento da denúncia de gestão temerária contra Patricia Amorim agradou parcialmente aos dois lados. A oposição, por ter seu pedido deferido, mas sem a garantia de que vá se formar uma comissão de inquérito. Já a situação gostou da decisão pelo mesmo motivo, apesar de ter feito pressão para que tivesse sido logo rejeitado.



MaisRecentes

Santos e FPF se unem em campanha por apoio ao futebol feminino no Brasil



Continue Lendo

Jogos da Série B1 do Carioca terão transmissão pela tv a cabo



Continue Lendo

Descumprimento de acordo judicial pode retirar o Vasco de Ato Trabalhista



Continue Lendo