‘Novo’ Morumbi pode custar até R$ 300 mi



Q O São Paulo recalculou o preço da reforma do Morumbi, e agora já fala em R$ 250 milhões a R$ 300 milhões, quase o dobro da previsão inicial. Trocas de cadeiras, construção de banheiros estão entre os itens elencados para tamanho aumento. E o clube ainda não fechou com a Andrade Gutierrez quanto ao prazo de concessão. Juvenal Juvêncio quer ceder a gestão da arena por apenas dez anos. Mas outros diretores falam em até 20.

Ronda
O presidente do Conselho Fiscal, Leonardo Ribeiro, foi nesta semana à contabilidade do Flamengo, checar por que R$ 7 milhões em gastos não têm comprovação. Segundo Ribeiro, 70% do valor tem documentos, ainda não lançados. E R$ 2 milhões são referentes a prêmios que a diretoria pagou, mas não registrou.

Saiu
O BNDES aprovou anteontem o empréstimo de R$ 131 milhões para a reforma da Arena da Baixada, com vistas à Copa de 2014 . O contrato será entre o banco e o estado do Paraná, que repassará o valor à SPE que comanda a obra via Fundo de Desenvolvimento Econômico do estado. Não há prazo ainda para os desembolsos.

Preto no branco
Ao contrário de 2011, o Conselho Fiscal do Flamengo vai cobrar que parte das luvas de R$ 40 milhões pagas pela Globo pelo novo contrato de TV sejam destinadas formalmente para pagar dívidas, especialmente fiscais, quando a diretoria enviar a na suplementação orçamentária. O contrato deve ser aprovado hoje pelo Conselho Deliberativo.

Gato escaldado
O contrato entre Minas Arena e Cruzeiro pelo uso do Mineirão terá que passar pelo crivo da Secopa-MG. O governo mineiro quer evitar o desgaste de um novo questionamento pelo MP, como houve no acordo Atlético-BWA pelo Independência. Será vetada a participação do Cruzeiro na gestão do Mineirão.

Fiel até o fim
Osório Furlan declarou que vai votar em Arnaldo Tirone nas próximas eleições presidenciais, previstas para janeiro. O conselheiro sofre ameaça de expulsão, em razão de uma sindicância pedida pelo diretor jurídico, Piraci Oliveira, homem-forte de Tirone. Osório afirma que a razão de seu apoio é a conquista da Copa do Brasil, o maior título do clube no século.

Sócio-torcedor
A Brahma deve começar a veicular em setembro a campanha publicitária sobre programa que dará desconto em compras para sócios-torcedores. A campanha está sendo montada em conjunto pela Africa, agência tradicional da Ambev, de Nizan Guanaes, e a 9ine, de Ronaldo, que detém a conta de futebol da Brahma.

Cerâmica
O revestimento externo da Arena Corinthians será fornecido pela empresa espanhola Levantina, que pertence ao mesmo grupo empresarial do banco BNP-Paribas, da França. Serão usadas placas de cerâmica ultrafina, na cor branca e com de 3 m2 de área (3 m x 1 m). A Levantina é o maior grupo de revestimentos da Europa.

Craque tímido
Além do valor da proposta e da vontade do jogador, dois outros motivos que levaram o São Paulo a aceitar vendê-lo foram o fato de ele estar na reserva da Seleção olímpica e a personalidade do jogador. Lucas é visto como de perfil diferente de Neymar, sem tanto carisma e sem tanta empatia com a torcida.

DE LETRA
“Ou eles não fizeram todas as reuniões previstas em estatuto, ou a diretoria não está entregando os documentos. A explicação pela falta do parecer não cola”
Hércules Figueiredo, ex-presidente do Conselho Fiscal do Vasco sobre a demora da atual comissão em dar um parecer sobre as contas de 2011



MaisRecentes

Permanência de Diego Souza ajudou a estabilizar pressão no São Paulo



Continue Lendo

Caso “HD do Vasco” pode terminar com nova eleição. Correntes políticas já se movimentam



Continue Lendo

Rodrigo Caetano está por detalhes para fechar com o Internacional



Continue Lendo