Flamengo corre para ‘legalizar’ contrato



Os Conselhos Deliberativo e Fiscal do Flamengo não sabiam até ontem às 18h que a presidente Patrícia Amorim assinara o novo contrato de TV do Brasileiro com a Globo, de 2016 a 2018. “Isso é novidade para mim”, disse Leonardo Ribeiro, presidente do Fiscal, ao ser informado pela De Prima. Imediatamente, acionou aliados e acertou uma reunião do Fiscal para terça-feira e do Deliberativo, quinta, para discutir o contrato.

Blindagem furada

O período de tranquilidade de Zinho no Flamengo pode estar chegando ao fim. O diretor de futebol não agradou a alguns dirigentes com a contratação de Liedson, por seu histórico de lesões. O discurso de Zinho sobre as más contratações do passado não pode ser usado mais como pretexto, segundo cartolas.

Racha oficialista

O grupo de conselheiros do Santos que deixou a Resgate Santista já se organiza para criar uma nova associação. Esse grupo, que é  mais fiel ao presidente Luis Alvaro Ribeiro do que a própria Resgate, à qual ele ainda pertence, está criando uma lista de conselheiros e sócios pró-Ribeiro e montando um mailing.

Ainda é cedo

A diretoria do São Paulo ainda não cogita um reajuste no contrato de Ademilson. O atacante, que tem se destacado no profissional, tem vínculo até o meio de 2014. Este atual contrato foi feito no ano passado, quando ele ainda estava nas categorias de base. Os dirigentes dizem que é preciso esperar um pouco mais.

Casa rejeitada

Não só torcedores do Palmeiras estão irritados com jogos na Arena Barueri. O gerente de futebol, César Sampaio, tem sofrido pressão dentro de casa. Nas últimas partidas, familiares do dirigente foram ao estádio e criticaram o acesso. A diretoria admite os problemas, mas vai continuar mandando suas partidas lá. A Arena Palestra só fica pronta em 2013.

Round

A Justiça Federal negou ao Vasco, em julho, pedido de liminar para obtenção de Certidão Negativa de Débito junto à Receita Federal. O clube entrou com novo recurso e não vai desistir de obter as CNDs pela via judicial. Só com a CND, o Vasco pode receber diretamente o patrocínio da Eletrobras, de R$ 16 milhões anuais.

Cerrado

Com a liberação do Tribunal de Contas do Distrito Federal da licitação dos paineis eletrônicos do Mané Garrincha, anteontem, o processo de licitação voltará à fase de recursos das empresas. Nove apresentaram propostas, e o resultado pode sair em duas semanas, dependendo dos recursos. A licitação é estimada em R$ 5,9 milhões e os placares devem ser instalados em janeiro.

Outro lado

O presidente Peter Siemsen nega intenção de fechar modalidades do esporte olímpico do Fluminense. A proposta de redução de 14% na folha de pagamento do setor partiu do próprio vice de Esportes Olímpicos, Zeca Oliveira, para contribuir, segundo o clube, com o esforço de cortar custos.

Fogo cruzado

O Conselho Deliberativo do Flamengo apresentou denúncia ao Conselho Fiscal contra Márcio Braga, por causa da venda de Renato Augusto, feita durante sua gestão. O CF já abriu inquérito e Braga apontou Michel Assef como seu advogado. O assunto foi uma das ressalvas do balanço de 2010.

De Letra

“Na época do Ricardo (Teixeira) a questão do doping nunca foi tratada de forma política, como a atual diretoria está fazendo. Isso é coisa do Marco Polo (Del Nero)” – Marco Antonio Teixeira, ex-secretário geral da CBF, sobre a demissão de Jorge Tannus do comando da comissão nacional antidoping.



MaisRecentes

Oposição se enfurece com Bandeira de Mello e pode pedir a sua exclusão do Flamengo



Continue Lendo

Luiz Felipe Scolari pode ter contrato estendido até 2022 e depois virar manager



Continue Lendo

CBF deve se reunir com clubes para falar de manifestações políticas



Continue Lendo