Se Tirone sair, preço de adesões no Palmeiras volta a aumentar



Dirigentes do Palmeiras dão como certo um novo aumento nas adesões e mensalidades, no ano que vem, caso o presidente Arnaldo Tirone não seja reeleito. Dizem que, segundo cálculo do antigo departamento financeiro, o preço das adesões ainda não é o ideal. No começo de junho, o Palmeiras aumentou em mais de 600% o preço das adesões individuais e familiares.



MaisRecentes

Vitória de Mufarrej no Botafogo não significará troca de funcionários



Continue Lendo

Presidente do COB diz que entidade já mudou e pede: ‘Vejam com outros olhos’



Continue Lendo

Corinthians espera premiação do Brasileiro em dezembro



Continue Lendo