Kia é esperado no Pacaembu



O empresário iraniano Kia Joorabchian é esperado pela diretoria do clube no Pacaembu, amanhã, para a final da Libertadores contra o Boca Juniors. Até ontem, no entanto, ele não havia procurado o clube para conseguir um lugar no Pacaembu, mas a diretoria diz que ele tem outras maneiras de conseguir acompanhar a partida no estádio. O iraniano assistiu à primeira partida na Bombonera, e disse que não viria a São Paulo para o segundo jogo.

Zerado

Apesar de todo o esforço de cortar gastos, o Corinthians não terá superávit expressivo no 1 semestre. A diretoria afirma que tradicionalmente as finanças do 2 semestre são melhores. Mas a falta de um patrocinador master teve impacto no resultado. Até agora, o clube não publicou balancetes mensais.

Brahma-torcedor

A Brahma fechou ontem com o Grupo Pão de Açúcar (inclui Extra) e Carrefour a participação no megaprograma de descontos para sócios-torcedores do principais clubes brasileiros. Pelo projeto, os torcedores que se associarem poderão ganhar em desconto mais do que mensalidade paga ao clube, catapultando a filiação.

Parado

Piraci Oliveira, diretor jurídico do Palmeiras, deu parecer negativo ao presidente do Conselho Deliberativo, José Ângelo Vergamini, sobre a retomada do projeto das eleições diretas promovido por conselheiros de oposição. Segundo Oliveira, a mudança de estatuto proposta para isso vai continuar parada.

Rédeas
Parte da diretoria do São Paulo não acredita que o presidente Juvenal Juvêncio efetive o técnico interino Milton Cruz. Diz que o presidente prioriza manter o auxiliar como funcionário do clube, ajudando também na observação e contratação de jogadores. Antes da queda de Emerson Leão, Milton Cruz também foi alvo de insatisfação torcida.

Regulamentação
O Sindiclubes, sindicato dos funcionários de clubes do Rio, negocia com a direção do Vasco para que os pagamentos sejam efetuados até o 5º dia útil de cada mês. Atualmente, a folha vence apenas do dia 20, o que não agrada ao sindicato e contraria a lei trabalhista. Neste ano, o clube sofreu com atraso salarial.

Candidato
O membro do Comitê de Gestão do Santos, Pedro Nunes Conceição, tem quebrado o protocolo do cargo e participado de perto da vida do Departamento de Futebol. Antigos aliados, hoje desafetos, dizem que Conceição já está se movimentando para se viabilizar como candidato da situação à sucessão em 2014.

Pequenos
Até a entrada de crianças em campo é um desafio para a diretoria do Palmeiras. Ela desistiu de barrar a entrada das que usarem camisas sem o logo da Kia para acompanhar a entrada do time em campo. E ainda estuda fornecer coletes com a marca da montadora. Parte da diretoria cobra que eles contenham também o símbolo do Palmeiras.

Escanteio
A ausência de Rubens Lopes, da Ferj (foto), foi comentada na assembleia da CBF, na sexta. A análise das demais federações é que Lopes perdeu força na queda de braço com Marco Polo Del Nero pela indicação da vice-presidência. Del Nero deve ser o candidato de José Maria Marin para sucedê-lo em 2015.

De Letra
“Ele é o Duque de Caxias II do futebol brasileiro. Um pacificador”

Luis Alvaro Ribeiro, presidente do Santos, sobre José Maria Marin, presidente da CBF, que conseguiu contornar a primeira crise política à frente da entidade, que assumiu há pouco mais de três meses.



MaisRecentes

Globo vê obstáculos na ‘pressa’ da CBF para implantar árbitro de vídeo



Continue Lendo

Procurador do STJD não vê brecha para futura reclamação por causa do árbitro de vídeo



Continue Lendo

Eurico exalta árbitro de vídeo no Brasileiro: ‘Antes tarde do que nunca’



Continue Lendo