Gobbi se nega a fatiar poder e contraria Andrés



O motivo da rusga entre o presidente Mario Gobbi e seu antecessor Andrés Sanchez foi a recusa do primeiro em fazer agrados a conselheiros. Um de seus aliados diz que Gobbi acabou com a prática de deixar o diretor gerir o departamento de forma independente. Outro afirma que o ex-presidente de fato queria ter mais poder sobre a administração do que possui. Um interlocutor de Sanchez nega os fatos e que haja qualquer crise.

Veto
Aliados do ex-presidente do Palmeiras Affonso Della Monica vão se reunir com o membro do COF Décio Perin e seus aliados nas próximas semanas para sugerir a retirada da pré-candidatura à presidência. Della Monica decidiu não apoiá-lo. O ex-presidente ainda estuda um nome para lançar no segundo semestre.

Sem direção
O conselheiro e líder de oposição Antonio Roque Citadini diz que nos dois jantares em que recepcionou o ex-desafeto André Luis de Oliveira, na última quinzena, havia pessoas de todas as correntes políticas do Corinthians, inclusive vários diretores de Mario Gobbi. Mas pessoas presentes ao jantar disseram de forma unânime que não havia diretores.

Tática suicida
Aliados do presidente Mario Gobbi dizem que o presidente tem recebido membros de todas as alas políticas do Corinthians. Seus ex-aliados, agora críticos, dizem que é justamente esse o problema: a falta de fidelidade com aqueles que o ajudaram a se eleger. E, que não adiantarão boas intenções, se sua ação política falhar.

Resta um
Conselheiros do Palmeiras estão dispostos a uma medida radical para escolher o próximo candidato a presidente: escolha por eliminação. Em certos grupos, a ideia é pegar a lista de todos os conselheiros, verificar quais são elegíveis e ir eliminando aqueles sobre os quais há grandes fatores contrários. E ver quem sobra.

Hora da fogueira
José Luiz Rolim, presidente do Conselho Deliberativo, marcou para o dia 13, dia de Santo Antônio, a reunião que vai decidir sobre a regularidade da chapa de oposição na última eleição, que fez 14 conselheiros. O grupo Mais Botafogo ameaça entrar com medida judicial contra o CD, pois considera que a chapa já foi validada pela Junta Eleitoral.

Trabalho
O Conselho Fiscal do Vasco vai pedir mais prazo ao Deliberativo para concluir o parecer do balanço de 2011. Segundo o presidente do CF, Hélio Donin, o órgão também analisa apontamentos feitos por conselheiros de diferenças técnicas entre os documentos de 2010 e 2011, como, o erro no fluxo de caixa do balanço de 2011.

Fica
O presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, rejeitou ofertas de Manchester City (ING) e Bayer Leverkusen (ALE), de cerca de R$ 2 milhões, pelo volante Matheus Queiroz, de 16 anos. O jogador, recentemente convocado pela Seleção sub-17 deve assinar contrato na próxima semana, com multa fixada em R$ 30 milhões.

Ocupou
A mudança de Márcio Braga, um dos líderes de oposição do Flamengo, fez o encontro do dia 11 ganhar força. Ao mudar do eixo eleitoral para o de união anti-Patricia Amorim, Braga atraiu ao Ocupe Flamengo figuras como o candidato Ronaldo Gomlevski e os ex-presidentes Delair Dumbrosck e Kléber Leite.

De Letra
“Pode escrever aí: todas as vezes que o meu amigo Antonio Roque Citadini der um jantar, eu estarei presente”
André Luiz de Oliveira, ex-diretor administrativo do Corinthians na gestão de Andrés Sanchez, que durante quatro anos (2007-11) viveu trocando farpas com Citadini



MaisRecentes

Número de empresas na Lei de Incentivo ao Esporte cai pela metade



Continue Lendo

Classificações de Corinthians e Flamengo rendem recorde de audiência à Globo



Continue Lendo

Jogo no Maracanã está longe do radar do Flamengo



Continue Lendo