Um nome na história! Vitória bate o Flamengo e alcança inédita final na Copa do Brasil sub-17



O Vitória é o primeiro finalista da Copa do Brasil sub-17! Depois de vencer o Flamengo no Rio de Janeiro por 3 a 2, a equipe comandada pelo técnico João Burse anotou 2 a 1 no Barradão e carimbou a vaga na decisão do principal torneio nacional da categoria juvenil. Agora, o Leão da Barra aguarda a definição do outro finalista, que sairá do confronto entre América-MG x Botafogo. Na ida, também no Rio, deu Coelho, por 1 a 0. As equipes se enfrentam quinta-feira na Arena do Jacaré.

Escalado com três atacantes mesmo em vantagem, o Vitória definiu o placar ainda no primeiro tempo, em dois contra-ataques mortais. Aos 35 minutos, Geovane serviu Eronildo, que concluiu na saída do goleiro Batista. Três minutos depois, a parceria se repetiu, mas desta vez com passe de Eronildo e conclusão de Geovane da entrada da área.

Na etapa complementar, a equipe comandada pelo ex-zagueiro se fechou de vez e só foi levar o gol de honra do Flamengo aos 41 minutos, dos pés do reserva Andrade. Como nota negativa, o Vitória perderá Geovane, seu principal destaque, no primeiro jogo das finais da Copa do Brasil sub-17, em razão do recebimento de três cartões amarelos.

As finais da Copa do Brasil sub-17, que têm o Vitória incluído pela primeira vez na história, serão nos dias 13 e 20 de maio, segundo o calendário da CBF. As datas podem mudar a pedido das emissoras que estão exibindo o torneio.

5

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA 2 x 1 FLAMENGO

Local: Barradão, em Salvador (BA)
Data/Hora: 5 de maio de 2015, às 18h30
Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA)
Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira e Érica Paula de Jesus da Purificiação (ambos da BA)

VITÓRIA: Jhon, Cedrick (Marcelinho), Rangerson, Gabriel e Padilha; Hebert, Geovane e Farinha (Carlos); Yan Matheus, Eronildo e Potó. Técnico: João Burse.

FLAMENGO: Batista, Klebinho, Matheus Thuller, Rafael Santos e Michael; Theo, Hugo e Pepê (Andrade); Patrick (Vinícius Júnior), Marcelinho e Matheus Lacovelli (Antônio Carlos). Técnico: Gilmar Popoca.



MaisRecentes

‘Carrego o sonho da família’: a história de uma promessa, suas dores e seu destino



Continue Lendo

Disputa quádrupla pela artilharia agita final da Taça BH sub-17 nesta quinta-feira



Continue Lendo

Brenner sobra no sub-17 do São Paulo. E agora, seguir a cartilha ou correr riscos?



Continue Lendo