Para coordenador da CBF, Seleção sub-20 pode representar ‘resgate da escola brasileira’



1
Depois de estrear com uma goleada por 4 a 2 para cima da Nigéria, que é uma das principais forças da categoria sub-20, a Seleção Brasileira enfrenta a Hungria na madrugada desta quarta para quinta-feira, às 4h, pela segunda rodada da Copa do Mundo Júnior. Antes do embate diante da enfraquecida seleção européia, o blog conversou com Erasmo Damiani, coordenador das categorias de base da CBF. Concentrado com o grupo na Nova Zelândia, o dirigente aprovou a estreia e mostrou otimismo com a sequência do Mundial sub-20.

– Estreia é complicada em qualquer tipo de competição, porque significa tentar colocar em prática tudo o que se treina em semanas e semanas. Estrear contra a Nigéria é um segundo complicador. O terceiro é nosso treinador (Rogério Micale) ter assumido há 20 dias um grupo que não foi ele quem convocou. Mas nós que acompanhamos o trabalho desde o dia 11 de maio tínhamos esperança de uma boa estreia. Pelo que eles já apresentaram, pelo grupo estar fechado, querendo… Mas passado esse jogo a expectativa é ainda melhor – avaliou o profissional nomeado em março de 2015.

Apesar de reconhecer “falhas normais da idade” e dizer que “eles estão aqui para crescer mesmo”, Damiani acredita que o futebol nacional está retomando seu estilo de jogo com a Seleção sub-20. O principal argumento do dirigente é o fato de nenhum dos quatro gols da partida contra a Nigéria ter saído a partir de bolas paradas. Sob o comando de Alexandre Gallo, esse era um recurso explorado à exaustão, do mesmo modo que as ligações diretas entre defesa e ataque.

– Fundamental é voltar a jogar com a bola no pé, querendo jogo. É um resgate da escola brasileira de futebol, do despertar da individualidade dos atletas mesmo com o princípio da coletividade. É um pequeno passo, temos muita coisa a melhorar, mas como é bom ter de novo a bola no pé – elogiou Damiani.

Apesar das goleadas aplicadas pela Alemanha e pela Hungria, o melhor jogo da primeira rodada do Mundial sub-20 foi Brasil 4 x 2 Nigéria, segundo a Fifa.



  • elias

    só ganhou por que o goleiro da Nigéria falhou feio em pelo menos 2 gols . precisa tomar cuida para que a ilusão de uma vitoria venha a encobrir erros do time e esses erros não serem corrigidos e venha a custar caro no futuro, a defesa brasileira jogou mal

MaisRecentes

Dois anos após pausa na carreira, goleiro-craque da Copinha vai jogar em Portugal



Continue Lendo

Palmeiras fecha com revelação do interior para disputa de Mundial de base na Europa



Continue Lendo

Promessa santista premiada na Europa tem rodagem na base e se inspira em Zeca



Continue Lendo