Para coordenador da CBF, Seleção sub-20 pode representar ‘resgate da escola brasileira’



1
Depois de estrear com uma goleada por 4 a 2 para cima da Nigéria, que é uma das principais forças da categoria sub-20, a Seleção Brasileira enfrenta a Hungria na madrugada desta quarta para quinta-feira, às 4h, pela segunda rodada da Copa do Mundo Júnior. Antes do embate diante da enfraquecida seleção européia, o blog conversou com Erasmo Damiani, coordenador das categorias de base da CBF. Concentrado com o grupo na Nova Zelândia, o dirigente aprovou a estreia e mostrou otimismo com a sequência do Mundial sub-20.

– Estreia é complicada em qualquer tipo de competição, porque significa tentar colocar em prática tudo o que se treina em semanas e semanas. Estrear contra a Nigéria é um segundo complicador. O terceiro é nosso treinador (Rogério Micale) ter assumido há 20 dias um grupo que não foi ele quem convocou. Mas nós que acompanhamos o trabalho desde o dia 11 de maio tínhamos esperança de uma boa estreia. Pelo que eles já apresentaram, pelo grupo estar fechado, querendo… Mas passado esse jogo a expectativa é ainda melhor – avaliou o profissional nomeado em março de 2015.

Apesar de reconhecer “falhas normais da idade” e dizer que “eles estão aqui para crescer mesmo”, Damiani acredita que o futebol nacional está retomando seu estilo de jogo com a Seleção sub-20. O principal argumento do dirigente é o fato de nenhum dos quatro gols da partida contra a Nigéria ter saído a partir de bolas paradas. Sob o comando de Alexandre Gallo, esse era um recurso explorado à exaustão, do mesmo modo que as ligações diretas entre defesa e ataque.

– Fundamental é voltar a jogar com a bola no pé, querendo jogo. É um resgate da escola brasileira de futebol, do despertar da individualidade dos atletas mesmo com o princípio da coletividade. É um pequeno passo, temos muita coisa a melhorar, mas como é bom ter de novo a bola no pé – elogiou Damiani.

Apesar das goleadas aplicadas pela Alemanha e pela Hungria, o melhor jogo da primeira rodada do Mundial sub-20 foi Brasil 4 x 2 Nigéria, segundo a Fifa.



  • elias

    só ganhou por que o goleiro da Nigéria falhou feio em pelo menos 2 gols . precisa tomar cuida para que a ilusão de uma vitoria venha a encobrir erros do time e esses erros não serem corrigidos e venha a custar caro no futuro, a defesa brasileira jogou mal

MaisRecentes

Segue o jogo!



Continue Lendo

São-paulino volta do Mundial sub-17 com novos conceitos (e sondagens da Europa)



Continue Lendo

Lesão rara interrompe ascensão de jovem no Timão. Mas dá tempo para o vestibular



Continue Lendo