Mirrai fazendo gol e Polidoro Jr assediado: a evolução dos meninos de Cotia



1(Será que Mirrai voltará direto ao CFA de Cotia após o fim da A3?/Foto: Divulgação/ME Assessoria)

Ao lado do Cotia, de impressionantes cinco vitórias consecutivas, o Nacional Atlético Clube é a grande surpresa das últimas rodadas na Série A3 do Paulistão. O clube do bairro da Barra Funda, em São Paulo, saiu do meio da tabela e hoje ocupa a quinta colocação, a seis pontos do líder Juventus e com um de vantagem em relação ao Sertãozinho, que fecha o grupo dos oito que se classificariam hoje para a fase final da competição.

O Nacional, como já registrado no blog, conta em seu elenco com cinco jogadores emprestados pelo São Paulo, que deseja melhorar a transição de suas pratas da casa e dar rodagem a atletas que já vinham sendo contestados na reta final da formação. Pois as notícias que vêm do vizinho da frente são boas para o Tricolor: três dos seis garotos são titulares frequentes do Naça. O meia Mirrai, a maior esperança, mandou seu recado com um gol marcado no último jogo, quando sua equipe goleou o Barretos por 4 a 1 no Nicolau Alayon.

Mirrai foi titular em nove das dez partidas em que ficou à disposição e marcou, na quarta-feira, seu primeiro gol como atleta profissional de futebol. O camisa 11 tem agradado à comissão técnica e se destacado por ser um jogador muito ativo e interessado no jogo – ao contrário do que diziam as vozes do CT do São Paulo. Além dele, o volante Allan também foi titular nove vezes e ganha elogios pela regularidade com que se apresenta, do mesmo modo que foi no Red Bull Brasil, que defendeu por empréstimo no segundo semestre do ano passado.

O outro são-paulino que vem sendo titular do Nacional é o zagueiro Polidoro Jr, de 18 anos. Na semana passada, o jornal Folha de São Paulo publicou que o jogador tem recebido assédio de empresários estrangeiros, e o blog confirmou a informação. Um agente sul-africano e outro português acompanharam dois dos quatro últimos jogos do Naça na Série A3 e enviaram relatórios elogiosos para os clubes com os quais têm relação. Supostos representantes do Corinthians também já conversaram com o estafe do zagueiro de 1,93m.

Aproveitamento dos jovens tricolores no Naça nas dez primeiras rodadas da A3:

Mirrai – 9 jogos como titular e 1 gol marcado
Allan – 9 jogos como titular
Polidoro Jr – 4 jogos como titular, 3 como reserva acionado, 2 no banco e 1 gol marcado
Valença – 1 jogo como titular e 3 no banco
Bruno Silva – 2 jogos como reserva acionado e 6 no banco
Gabriel Machado – Não jogou



  • Pingback: Goiás ‘fisga’ Caíque, meia revelação de seu grupo na Copa São Paulo de Juniores | "Quem não sonhou?"()

  • Celso ricardo g da silva

    Conheço mirrai desde a infancia meu filho jogou
    5 anos com ele acho que ele é vitima da desonestidade no brasil

  • Pedro Henrique Bacci

    Conheço bem a base do SPFC pois trabalhei lá vários anos. O que ocorre ali, é uma verdadeira injustiça, pois os moleques que tem algum “esquema” são vistos em jogos televisionados, mesmo não sendo jogadores de futuro. Já os que não possuem “esquema” e sim apenas futebol, esses são deixados à deriva. É o caso desses jogadores que foram emprestados ao Nacional. São todos moleques que tem futebol, e que com certeza chegarão a um time profissional e vão ser jogadores de alto rendimento, pois não viveram quando na base, de indicações apenas. Vou citar nomes aqui, para que vocês anotem e num futuro muito próximo, estarão lembrando dessa minha postagem:GABRIEL PEREIRA (meia ), LEONARDO VENCATO( zagueiro ) , ROBSON( meia ) , POLIDORO JÚNIOR ( zagueirão de 1,93m…… vcs já estão vendo a reportagem acima, falando que já está sendo assediado por times do exterior…tem joga muuuuuiiito, acompanhei todos os jogos dele no Nacional, sem falar que também é ambidestro) BRUNO, dentre vários outros. Sem falar nos que o SPFC dispensou e que hoje já estouraram em outros times, já que para o SPFC não serviram…..é isso, quem viver verá…..

MaisRecentes

Artilheiro da base assina primeiro contrato profissional com Cruzeiro: ‘Mais um passo’



Continue Lendo

‘Desunião’ faz a força: equipe de São Paulo representa o Brasil no torneio do Neymar



Continue Lendo

Torneio do Neymar tem seletiva baiana vencida por equipe de engenheiros. Oi?



Continue Lendo