Goleiro olímpico ‘esquecido’, Gasparotto ainda sonha com chance: ‘Paciência e dedicação’



Alisson Becker, 22 anos, furou a concorrência de Muriel e Dida para se firmar na meta titular do Internacional. Pelas boas atuações, ganhou a chance na Seleção Brasileira principal em dois amistosos com Dunga. Claramente, um nome preparado para o futuro. Um ano mais jovem que o gaúcho, o goleiro Gabriel Gasparotto ainda vê de longe a possibilidade de uma chance… de jogar! Aos 21 anos, com histórico positivo na base e convocações no currículo para a Seleção nas categorias menores, ele nem sequer estreou pelo time profissional do Peixe. Ainda assim, mantém um sonho vivo: disputar as Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro.

– É complicado. Eu quero estar na Seleção olímpica, quero fazer parte das Olimpíadas no Rio, mas eles estão convocando goleiros que estão jogando, que estão mais no mercado hoje. Eu já estive uma vez na Seleção e quero ter outra oportunidade de mostrar ao Dunga e ao Micale, mostrar que tenho potencial para estar na Seleção olímpica – diz o santista, ao blog.

17290652226_ed6a30bfcf_z

Gasparotto era um dos principais postulantes à meta da Seleção olímpica, mas a falta de oportunidades no Santos atrapalhou sua evolução. Profissional desde 2013, ele já esteve no banco algumas vezes, mas nunca jogou no Peixe, assim como João Paulo, que ainda tem idade de júnior. Depois de Rafael, Aranha assumiu. Depois de Aranha foi Vanderlei o contratado. Na reserva costuma estar Vladimir, que neste ano renovou até o fim de 2016 e segue sem dar brechas.

Enquanto isso, sem idade para jogar nas categorias de base, o santista segue sua rotina como terceiro goleiro do elenco alvinegro e cada vez mais se perde no radar dos observadores da CBF. Como fazer para esperar a chance?

– Você tem que ter paciência. Paciência e dedicação são as palavras-chave. O futebol te dá oportunidade de mostrar, e quando você tem essa oportunidade tem que ir bem e mostrar para a torcida que tem grande potencial. Eu fui um goleiro que ganhou títulos na base, e quando você chega no profissional tem que mostrar mais ainda do que você é capaz. Eu quero estar capacitado para quando chegar a minha hora poder aproveitar – relata Gasparotto, que tem chances de ser emprestado para jogar o Paulistão de 2016 em outros clubes e já analisa sondagens:

– Com certeza penso nisso. Mas a gente não pode agarrar qualquer coisa que vem, tem que pensar bem, porque, como você quer tanto jogar e mostrar, às vezes sai para um lugar não tão bom. Tem que pensar bem para onde você vai para mostrar realmente do que é capaz.



  • mario gauchi

    Um ótimo goleiro, vejo-o como futuro goleiro titular do peixe. Poderiam emprestá-lo pr um outro clube pr ganhar ritmo, sequencia de jogos, experiência e maturidade . Tem futuro.

  • Santos

    Emprestar esses jovens valores a outros times, dará condições para que mostrem seu real valor, vão pegar ritmo, e se valorizarão. Bom para o Santos FC, que terá seus jogadores da base aparecendo na mídia e ao voltar terão um jogador mais valorizado, que será ótimo para as finanças do clube.

  • Wagner garcia

    Tem condições sim de ser titular do SANTÃO, e só aguardar que o dorival vai dar uma oportunidade a ele, e aí sim, não largará mais a titularidade.

  • Marcos Fish

    Infelizmente, o fraco Vladimir, está atrapalhando a vida do Gasparotto.

  • Jokajones@bol.com.br James

    o tecnico do santos deveria resolver este problema e colocar o gasparotto para jogar algumas partidas fazer um revezamento de goleiro em casa jogaria o gasparotto e o wladimir e fora d ecasa o wanderlei em casa o time seria o seguinte gasparotto( wladmir)daniél guedes,werley,paulo ricardo,chiquinholéo citadini,vitor bueno, neto berola,nilson

  • Jader Miguel

    Esse Gasparotto tem um futuro brilhante. Merece oportunidade,na minha opinião é melhor que o Wladimir. Se for para o Gol não sai mais. DJ dê a ele uma oportunidade.

  • Marcio #Lakers

    Esse goleiro e muito bom, santos devia renovar seu vinculo, emprestar ele pra alguma equipe do pais, pra ele se desenvolver… O Chelsea fez isso com o tal do Courtois, que foi pro Atlético de Madri e se destacou se desenvolveu e volto pro Chelsea, desbancando o Petr Cech. O santos esta dando muita brecha com o potencial desse menino, pegador de pênalti, explosivo! Na minha opinião ja devia pelo menos ser o reserva imediato do Vanderlei.

  • Herrera

    Ele é muito melhor que o fraco do João Paulo, Jhon é o jogador de empresário, com 30 anos, que está no sub20 do santos, o tal do preto.

MaisRecentes

Maior torneio sub-17 do Brasil tem primeira semifinal definida: Palmeiras x Flamengo



Continue Lendo

Bahia cria competição sub-13; primeiro ano será regional, mas há projeto de expansão



Continue Lendo

Veja números, resultados e confrontos das quartas de final da Taça BH sub-17



Continue Lendo