Celeiro de craques? Taubaté anuncia projeto de CT para formação de jogadores



A Prefeitura de Taubaté anunciou nesta quarta-feira o projeto para construção de um centro de treinamento internacional de futebol. A proposta contempla um terreno de 52 mil m², com quatro campos oficiais, alojamento para quase 150 garotos e uma academia que será projetada por Moraci Santana, ex-preparador físico de grandes clubes brasileiros e internacionais e também da Seleção Brasileira. Evair, ex-jogador, também participa do projeto como diretor de futebol.

A princípio, a gestão do projeto assume a base do Esporte Clube Taubaté (sub-15, sub-17 e sub-20), e no futuro próximo a categoria principal do tradicional clube da cidade. O objetivo é que este CT se torne um celeiro de atletas para o Brasil. Rogério Biondo, diretor de marketing da ação, explica melhor.

– Esse é um projeto decorrente de uma necessidade que o país tem, que é mexer na estrutura de base. Taubaté, como é uma cidade que tem essa veia do esporte, imediatamente abraçou esse modelo de projeto de médio e longo prazo. Por meio do Moraci e do Evair, pretendemos fazer Taubaté plantar uma semente de longo prazo, com padrão internacional. Com certeza, tendo um centro de treinamento de alto nível, você vai gerar atletas de alto nível – explica Biondo, à frente do projeto após uma experiência como gerente comercial de publicidade e patrocínio do Corinthians.

O CT é uma parceria da Prefeitura de Taubaté, secretaria de Governo e Relações Institucionais, Secretaria dos Esportes e Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico, além da empresa MSEJK Sport and Marketing. Juntas, as entidades captarão recursos privados entre R$ 8 milhões e R$ 10 milhões. A captação ocorre a partir de agosto e a ideia é que as obras tenham início em janeiro de 2017.

ct



MaisRecentes

Família boleira e retomada após lesões: as inspirações de um brasileiro em Portugal



Continue Lendo

Maior torneio sub-17 do Brasil tem primeira semifinal definida: Palmeiras x Flamengo



Continue Lendo

Bahia cria competição sub-13; primeiro ano será regional, mas há projeto de expansão



Continue Lendo