Brasileirão sub-20 começa em junho e já tem grupos definidos e críticas ao formato



A Confederação Brasileira de Futebol já divulgou a divisão de grupos do inédito Campeonato Brasileiro sub-20, que começou a ser organizado pela entidade só nesta temporada. O torneio reunirá 20 clubes divididos em quatro grupos de cinco, em que um folga a cada rodada. Na primeira fase, todos se enfrentam em turno único e dois avançam. A partir dos oito restantes vão se formar outras duas chaves e, após a disputa em turno e returno, sairá um finalista de cada grupo.

O grande problema é que 12 dos 20 clubes disputarão apenas quatro partidas do Brasileirão sub-20, “vendido” pela CBF como um torneio que daria mais datas à categoria de juniores do futebol nacional. Dirigentes de clubes enaltecem a criação da competição, mas ainda acreditam que a necessidade de ajustes é urgente.

– Não posso dizer que agrada totalmente. Claro que é uma possibilidade nova, e é só o primeiro ano de disputa e ainda haverá melhorias, mas a maior parte dos clubes terá viagens longas e um torneio curto, quase insignificante, de poucas datas. O que esperávamos, que eram jogos para analisar melhor os atletas formados por aqui, terá muito pouco – disse o dirigente de um importante clube da Série A do Brasileirão, e que pediu ao blog para não ter o nome mencionado.

O Brasileirão de juniores será disputado por jogadores nascidos a partir de 1995, sendo validadas as inscrições realizadas apenas até 14 de julho. No entanto, também será permitida a entrada de três atletas com idade superior a 20 anos, o que pode dar mais rodagem a alguns jogadores que já estouraram a idade de base, mas ainda não conquistaram espaço no profissional. Por fim, os 20 clubes foram selecionados pelo ranking técnico da CBF e jogarão em 13 datas, entre 3 de junho e 2 de setembro. Datas e locais de cada confronto ainda não foram definidos.

Ano passado, na última das nove edições organizadas pela Federação Gaúcha de Futebol, o Corinthians foi campeão diante do Atlético-PR.

2

GRUPO A
Atlético-PR
Fluminense
Internacional
Ponte Preta
São Paulo

GRUPO B
Corinthians
Coritiba
Grêmio
Flamengo
Vitória

GRUPO C
Botafogo
Ceará
Cruzeiro
Goiás
Palmeiras

GRUPO D
Atlético-MG
Bahia
Santos
Sport
Vasco



  • Baltazar

    palmeiras pega o grupo da morte

    • Felipe

      Em se tratando de base, porcada é café com leite… Aliás, profissional tb… hahahaha Iludidos

    • Rodrigo

      Desculpe mais o grupo da morte é o grupo A, já que tem 3 clubes fortes na base, São Paulo, Internacional e Atletico-PR.

      Pra mim vai passar: Grupo A: São Paulo e Atletico-PR, Grupo B: Gremio e Corinthians, Grupo C: Cruzeiro e Palmeiras, Grupo D: Atletico-MG e Santos.

    • rodrigo carvalho

      grupo da morte com ceara…botafogo…..goias …e palmeiras

  • A cbf deveria tomar vergonha na cara e aprender a organizar nosso futebol com dignidade tanto para os profissionais quanto para as categorias de base. Os campeonatos bem organizado é mais atrativo,nao importa a categoria dele.É ridículo esse regulamento, coisa de primário.

  • fbdfn

    #VascoVamospracimadeles

  • Marco

    Cheguei a pensar no uso do “Brasileirao” como base para o sub-20., como nos estaduais do passado com os jogos dos “Aspirantes ou Juvenil”, como preferirem. Ai, lembrei que existem muitos clubes que nao tem o professional, mas tem uma “Base” excelente.

  • Flávio Amaro

    Como é confuso a organização do nosso futebol. Será que é tão difícil formular uma tabela com 20 clubes? Qual o principal interesse na aprovação desta tabela tão complicada? Patrocinadores? TV? O aspecto técnico mais uma vez não é levado em consideração. Triste futebol brasileiro…

  • claudio

    CRUZEIRO TRI CAMPEÃO 2007 / 2010 / 2012

  • milton ribeiro

    está tudo errado. o campeonato tem que ser por pontos corridos.
    vão acabar com o futebol da molecada

  • Pingback: Novo Brasileirão sub-20 começa em junho | FFC1902()

MaisRecentes

Nocaute de gols: na base do Cruzeiro, Popó mostra faro artilheiro e cria metas no ano



Continue Lendo

Melhor aproveitamento do país entre os times de Série A também pensa na base



Continue Lendo

Projeto de carreira e estrutura: por que uma joia brasileira escolheu a Espanha



Continue Lendo