Brasileirão de 2016 teve menos trocas de técnicos do que nos últimos anos



Vinícius Eutrópio deixou o comando do Figueirense / Foto: Divulgação

Vinícius Eutrópio deixou o comando do Figueirense (Foto: Divulgação)

A saída de Vinícius Eutrópio do Figueirense é a nona troca de comando durante o Campeonato Brasileiro de 2016. Mesmo com rotatividade alta depois de 14 rodadas, é menor do que nos últimos anos. No ano passado o Brasileirão teve recorde de mudanças com 32 trocas e até a rodada 14 tinham sido feitas 11 alterações. Em 2015, o número foi maior, com uma troca a mais. Veja as mudanças de técnicos desde o início do ano.

Trocas de técnicos nos últimos anos após 14 rodadas:
2016 – 9 trocas
2015 – 11 trocas
2014 – 12 trocas

Mudanças no Campeonato Brasileiro:

Depois da primeira rodada…
1 – Cruzeiro: saiu Geraldo Delamore (interino) / entrou Paulo Bento
2 – Atlético-MG: saiu Diego Aguirre / entrou Marcelo Oliveira

 Depois da terceira rodada…
3 – Flamengo: saiu Muricy Ramalho / entrou Zé Ricardo (interino)

Depois da quinta rodada…
4 – Coritiba: saiu Gilson Kleina / entrou Pachequinho
5 – América-MG: saiu Givanildo Oliveira / entrou Sergio Vieira

Depois da sétima rodada…
6 – Corinthians: saiu Tite / Cristóvão Borges assumiu na décima rodada

Depois da décima rodada…
7 – Chapecoense: saiu Guto Ferreira / Caio Júnior assumiu na décima segunda rodada

Depois da décima quarta rodada:
8 – Internacional: saiu Argel
9 – Figueirense: saiu Vinícius Eutrópio



MaisRecentes

Brasileirão tem 25% dos jogos com prejuízo nas duas primeiras rodadas



Continue Lendo

Rodada do Brasileirão com tantas vitórias dos visitantes é incomum



Continue Lendo