O escândalo de Platini



Michel Platini pode ser banido por manipulação confessa do sorteio de grupos da Copa da França, em 1998.

O ex-jogador, que foi presidente do Comitê Organizador do Mundial daquele ano, disse que ajudou a manipular o sorteio para que a França só fosse encontrar o Brasil na final, o que acabou acontecendo mesmo.

O responsável pelo sorteio era seu grande amigo Joseph Blatter, que de secretário-geral da Fifa passou a ser o presidente da entidade, com apoio de João Havelange.

Platini já havia pego uma suspensão de oito anos, dada no final de 2015, acusado de receber propina de quase R$ 10 milhões por serviços sujos prestados à Fifa e à Uefa, a União Europeia de Futebol, que chegou a presidir.

A Federação Francesa de Futebol mostrou-se irritadíssima com as declarações de Platini e teme que o título da França possa ser contestado.

Pelo menos duas federações de futebol que tiveram seleções participando da Copa e perderam no caminho para a França já entraram em contato com a Fifa pedindo explicações sobre o caso.

Para parte da cúpula da entidade que preside o futebol mundial, Platini tem que ficar definitivamente afastado do esporte. Mas há uma ala que acha que, banido, ele irá jogar ainda mais lenha na fogueira.

O Brasil, que era e ainda é patrocinado pela Nike, não deve contestar o título francês, já que a CBF, inclusive com Marco Polo Del Nero banido do futebol, tem seus próprios problemas para enfrentar. E também ligados à sujeira. Muita sujeira. Vide a prisão de José Maria Marin nos Estados Unidos, o caso Del Nero, que não sai do Brasil para não ser preso, e o de Ricardo Teixeira, que optou pelo mesmo caminho.

Ah! A final daquela Copa, a de 1998, foi o jogo de toda a polêmica que envolveu Ronaldo, que teria tido uma crise de nervos horas antes da decisão, o que gerou teorias da conspiração e mais teorias da conspiração. Nunca acreditei em bruxas, mas que elas existem… Ah! Existem… E a credibilidade do futebol segue caminhando… Ladeira abaixo.

Platini insiste que foi punido injustamente, diz estar recorrendo a um tribunal europeu de direitos humanos e culpa o poder das emissoras de TV que detêm direitos de transmissão por seu afastamento do futebol.



MaisRecentes

Nova caminhada



Continue Lendo

O desabafo de Cuca (ainda)



Continue Lendo

As críticas de Cuca



Continue Lendo