Diego Souza na Rússia



O estafe de Diego Souza acha que o atacante tem tudo para vencer a disputa com Firmino por uma vaga na Copa da Rússia. E não acha impossível que os dois sejam convocados por Tite.

A discussão sobre se ele faria o papel de um típico camisa 9 no São Paulo ou se será um camisa 10 mostra, ainda segundo o estafe do atleta, que Diego Souza é versátil e pode desempenhar diferentes funções não só no Tricolor mas também na Seleção. Tite o veria como uma espécie de pivô, mas que se precisar atuar mais à frente consegue e consegue bem.

No São Paulo, porém, deve iniciar a temporada como atacante nato mesmo. Pois Dorival Júnior acha que é disso que o Tricolor precisa.

E a diretoria e a torcida também, sedentas de títulos, acham que Diego Souza tem que ser referência no ataque. E que para isso foi contratado. E para acabar com o jejum que já chega à meia dúzia de anos. E que, só no Estadual, ultrapassa uma década. A hora seria agora, ainda mais com os principais rivais de olho na Libertadores. Será mesmo?



MaisRecentes

O emocional, de novo



Continue Lendo

A cabeça de Neymar



Continue Lendo

Crise no Peru



Continue Lendo