Fuga do Vasco



O grupo de Julio Brant, que comanda a chapa “Sempre Vasco Livre”, segue reclamando e muito de Eurico Miranda e sua turma.

Acusa-os de montar uma operação desmonte em São Januário e diz que não faltam atletas com salários atrasados pedindo pra sair.

Anderson Martins, zagueiro, rescindiu com o clube carioca justamente por conta de atrasos salariais e se mandou para o São Paulo, Matheus Vital, meia, foi para o Corinthians, e Madson, lateral, para o Grêmio.

A expectativa é pela saída de mais jogadores e os protestos pela falta de pagamento não são poucos, segundo pessoas próximas a Brant.

A ideia é investigar a relação de Eurico com Carlos Leite, empresário dos jogadores negociados semana passada. E fazer uma auditoria nas contas do clube, que estaria quebrado.

O caso, aliás, já está na polícia com denúncias de retirada de materiais esportivos e equipamentos de Sao Januário por parte da turma de Eurico na última quinta-feira.



MaisRecentes

O emocional, de novo



Continue Lendo

A cabeça de Neymar



Continue Lendo

Crise no Peru



Continue Lendo