Estrelismos no Verdão



A direção do Palmeiras anda preocupada com o que alguns conselheiros chamam de estrelismos de alguns jogadores. O clube investiu forte em reforços e muitos dos que chegaram (e alguns que já estavam no clube) acham que deveriam ser escalados como titulares e não estariam digerindo bem as críticas internas. Nem a reserva ou mesmo a possibilidade de irem parar no banco.

O que complica um pouco a situação é que os reforços vieram quando Cuca já não era mais o técnico do time. Agora que voltou tem que lidar com um grupo que não foi indicado nem referendado por ele. E com fortes expectativas de títulos, incluindo aí Libertadores e possível bi do Brasileiro. No Nacional, porém, o Verdão começou mal, duas derrotas em três partidas.

A ideia de Cuca era adotar marcação individual, por exemplo, mas ele acha que, com o grupo que tem à disposição, não seria esse o melhor esquema tático, tanto que usou Felipe Melo como líbero diante do São Paulo. E não deu certo.

O técnico tem carta branca para mexer como quiser e escalar os que achar melhores e também para colocar ordem no vestiário, ordem que não havia nos tempos de Eduardo Baptista.

A direção quer que Cuca acabe com estrelismos de A ou de B, afinal o comandante é ele. Mas, ao mesmo tempo, já começa a cobrar resultados, especialmente no Brasileiro. Avisou o treinador que o elenco é forte o suficiente para conseguir bons resultados mesmo com uma escalação alternativa. O que não aconteceu em Chapecó, por exemplo. A escalação alternativa sim, mas o resultado, não.

Pressão, enfim, Cuca vai ter. E ela já começou. De dentro do vestiário e dos dirigentes também. Que esperavam muito mais do time nesse já não tão início de temporada. E quarta tem mais. Duelo de volta, no Sul, diante do Inter pela Copa do Brasil. Eventual eliminação do torneio não seria bem digerida no Palestra. Que investiu pesado e agora quer porque quer resultados.



  • MarTricolor

    Timeco de jogadores médios, nenhum jogador que decide. Tem alguns times brasileiros melhores que o Palmerdas e que tem jogadores que decidem, mas a imprensa colocou na cabeça dos Palmerdenses que eles são os melhores da américa….kkkkkkkk. O time tem bastante opções, mas o treinador precisa reverter o quadro e colocar na cabeça destes jogadores medianos que eles precisam ralar muito pra conseguir vencer alguma coisa. O meia dos caras é um jogador muito mediano chamado Guerra, que só arma bem em jogos froxos, quando o jogo é pegado o cara não faz nada e ainda falha na marcação. Reparem que o tal Guerra já entregou 2 clássicos, contra Curica e contra o São Paulo naquele lance do primeiro gol que ele marcou frouxo o Macinho, ou seja, o time é mediano e se eles continuarem se achando os melhores, perderão tudo esse ano.

    • Palestra Incondizionato

      A sua euforia acaba no próximo jogo do SPFW. Faz 7 anos que é assim!

    • Enio Luis Longo

      Bambi, vc tem uma cabeça cheia de bosta dentro né ?! se o elenco do Palmeiras e “mediano” imagina o seu ridiculo timeco de série B ??? para de falar merda, o time ainda não encaixou, apenas isto.

  • Renato Oliveira

    Mais uma péssima matéria de uma jornalista mediano…

  • palmesperto

    UMA COISA TEM QUE FICAR CLARO E CUCA LEVOU 3 DERROTAS SEGUIDAS EM 2016 ESCALANDO VAGNER GOLEIRO SE LEMBRAM?? QUASE PERDEMOS O TITULO, DEPOIS JAILSON FECHOU O GOL…AGORA JÁ ESCALOU BASTOS EM 3 JOGOS COMO LATERAL E PERDEMOS OS 3 JOGOS, VEJAM A FORMA CRIMINOSA COMO BASTOS FICA PARADO, NÃO MARCA E OLHA PRATTO PASSAR POR RÁS DELE E FAZER O GOL NO MORUMBI…ENTÃO FICA O AVISO, NO BRASIELIRÃO CUCA, VC JÁ QUEIMOU SUA COTA DE ERROS, AGORA NUNCA MAIS ESCALE BASTOS DE LATERAL NO VERDÃO!!

  • Rafael Aguiar Costa

    Na minha Time Line apareceu assim: “Guerreiro chamou a responsa e assumiu o protagonismo do Flamengo” logo a baixo segue a matéria ” estrelismo no Verdão” pqpppp essa mídia é um lixo

MaisRecentes

Pela saída de Levir



Continue Lendo

Apoio a Jô



Continue Lendo

Os preços da Seleção



Continue Lendo