Disputa acirrada



Conselheiros da situação e da oposição no São Paulo preveem um pleito extremamente acirrado em abril, quando será disputada a presidência do clube.

Os correligionários de Carlos Augusto Barros e Silva, o Leco, atual mandatário, viam com preocupação o crescimento da candidatura de José Eduardo Mesquita Pimenta. Com a desistência de Roberto Natel, que deve apoiar Leco, acreditam que podem ter uma ligeira vantagem.

Mesquita Pimenta conta com apoio de Abílio Diniz, que tem dito nos bastidores que vai investir forte no marketing do Tricolor caso seu candidato, representante da oposição, vença a eleição.

Já Leco, além do apoio de Natel, espera que o time engrene de vez com Rogério Ceni para apaziguar os descontentes com a seca de títulos do clube e inflar sua campanha.

Mas até abril muita água ainda vai rolar…



MaisRecentes

Elogios a Loss



Continue Lendo

Não vai ter Copa?



Continue Lendo

O escândalo de Platini



Continue Lendo