Os reforços corintianos



Têm causado celeuma no Parque São Jorge as contratações corintianas para a temporada 2017. A oposição acha que o time tem se reforçado mal e segue criticando a chegada de Paulo Roberto, que deve atuar como primeiro volante.

No Sport ele vinha ficando no banco, o que causou indignação entre opositores de Roberto de Andrade, que acham que o clube vem se mexendo mal e precisa de nomes de mais expressão.

Volta e meia são feitas comparações com o Palmeiras, a agremiação paulista que vem contratando melhor para 2017. A avaliação é que Santos e São Paulo também estão contratando jogadores mais técnicos e que o Corinthians está, no momento, abaixo dos seus três maiores rivais.

Paulo Roberto, envolvido na polêmica sobre a qualidade dos reforços corintianos, vem se defendendo e lembrando que muitos “ídolos saem do anonimato”.

No ataque Kazim, que vinha defendendo o Coritiba, é considerado pela oposição (e também por membros da situação) uma incógnita, embora o nome de William Pottker, artilheiro do Brasileirão e alvo da atenção corintiana desde os tempos de Tite, seja elogiado pelos dois lados.

Para a próxima semana, além do atacante da Ponte, o Timão espera fechar com Gabriel, ex-volante do Palmeiras, e trazer um zagueiro para reforçar a defesa.



MaisRecentes

O discurso de Tite



Continue Lendo

A reeleição de Galiotte



Continue Lendo

Cadê os patetas?!?



Continue Lendo