Recado do Palmeiras



A diretoria do Palmeiras tem conversado um bocado com membros da comissão técnica e em especial com Eduardo Baptista, que esteve a par de todas as contratações que o clube fez e ainda está fazendo.

Na avaliação da direção, o Verdão é o clube paulista não só que está mais contratando, como o que está contratando melhor, vide a chegada de Michel Bastos, Raphael Veiga e Alejandro Guerra, além das tratativas com Felipe Melo.

A ideia é deixar o elenco ainda mais forte do que no ano passado, quando foi campeão brasileiro. E que possa fazer um bom papel no Nacional que começa em maio e também na Libertadores, esse ano mais longa e com novo formato.

A ordem é ganhar pelo menos uma das duas competições, recado já transmitido a Eduardo Baptista. E, se possível, as duas. O que aumenta a pressão em relação ao trabalho do treinador, que terá no Palestra o maior desafio de sua vida até aqui.

Mas o técnico se diz preparado. E a diretoria vai seguir tentando trazer mais reforços para que ele faça, de fato, um belo trabalho.

Só com o uniforme o Verdão recebe quase R$ 80 milhões anuais. Com o estádio e o time na Libertadores, a expectativa é de que a renda líquida chegue a R$ 50 milhões em 2017. E o programa do sócio cada vez tem mais adeptos. Deve terminar o ano como o melhor do Brasil.

Tempos bons para o Palmeiras. Que Eduardo Baptista corresponda às expectativas criadas. Afinal elas não são poucas, não. Mas tem muito treinador que gostaria de estar em seu lugar…



MaisRecentes

O escândalo de Platini



Continue Lendo

Fernando Diniz na berlinda



Continue Lendo

Deuses da Bola



Continue Lendo