Ouro mantido



Oito membros do Comitê Olímpico Internacional consultados pelo blog asseguram que o ouro no revezamento 4 x 200 m livre masculino ganho pelo nadador Ryan Lochte será mantido.

Apesar de o COI não ter dado uma resposta oficial sobre a questão desde que Lochte foi indiciado pela Polícia Civil do Rio por falsa comunicação de crime, integrantes da entidade dizem que os Estados Unidos não perderão o ouro. Nem Lochte, que fez parte da equipe vencedora nos Jogos de 2016.

O nadador, que perdeu uma série de patrocínios e apoios comerciais desde o indiciamento, não pretende voltar ao Brasil para prestar novo depoimento.

Apesar de ter se desculpado pelo ocorrido, alegando que tinha bebido e que ficou assustado quando colocaram uma arma em sua cabeça, Lochte segue bombardeado pela imprensa brasileira e internacional. E com o ouro, que ganhou merecidamente no Rio.



MaisRecentes

Tite ignorado?



Continue Lendo

Pressão no Palestra



Continue Lendo

Saída de Denis?



Continue Lendo