Falcão na berlinda



Paulo Roberto Falcão não era unanimidade no Inter quando o clube decidiu contrata-lo para tirar a equipe da má fase que enfrentava no Brasileirão. Depois de um péssimo início após assumir o comando do time a pressão aumentou e já há conselheiros pedindo a cabeça do treinador.

A sugestão de um grupo de conselheiros para a direção do Colorado é apostar em Paulo Autuori ou em Mário Sérgio caso Falcão não mostre “trabalho” nas próximas três ou quatro rodadas.

Autuori comanda o Atlético-PR e também entrou na mira do São Paulo, outro que faz má campanha no Nacional e acaba de perder seu treinador para o futebol argentino. Já Mário Sérgio, nome muito querido no Beira-Rio, é comentarista da Fox e não pretende voltar a ser técnico de futebol.

Depois de um bom começo de campeonato, o Inter amarga uma sequência de resultados ruins, que derrubaram o técnico Argel. Nos últimos dez jogos foram oito derrotas e dois empates, apenas dois pontos em 30 disputados.

Falcão estreou contra o Palmeiras, jogando em casa, e perdeu. Depois empatou com a Ponte, em Campinas, perdeu para o Corinthians, no Sul, e ontem para o Cruzeiro, em Minas.

A meta do time, que era brigar pelo título, já ficou para trás e hoje a preocupação é não cair.

Boa parte da torcida colorada, no entanto, defende Falcão e a presidência do clube diz que não há a menor possibilidade de ele sair. Insiste que cumprirá o contrato de um ano.

Para parte da galera, que lamentavelmente partiu para o vandalismo e as ameaças, os jogadores não têm vontade e não estão honrando a camisa, embora eu particularmente ache que estão se esforçando, sim. Mas o que se passa nos vestiários pouca gente sabe…

Em tempos de overdose de Rio-2016 e em dia de abertura dos Jogos, com Pelé, pelas últimas informações, incapacitado de acender a pira olímpica logo mais, o mundo do futebol brasileiro continua girando. E girando e girando e girando…



MaisRecentes

Uma zaga para o Fla



Continue Lendo

Vanderlei na Seleção



Continue Lendo

Vila x Pacaembu



Continue Lendo