A volta de Thiago Silva



O técnico Tite pretende conversar com o zagueiro do Paris Saint-Germain para avaliar a possibilidade de lhe dar nova chance na Seleção Brasileira.

Thiago Silva havia caído em desgraça com Dunga depois do vexame que deu na Copa América do ano passado e pelo desequilíbrio emocional demonstrado em campo quando chamado para defender o Brasil. Na Copa-2014, vale lembrar, foi o capitão do time e desabou em campo, recusando-se a bater pênalti nas oitavas de final contra o Chile. Nem conseguiu ver os companheiros cobrarem as penalidades.

A tendência é que fique ao lado de Gil na defesa brasileira, enquanto David Luiz, de quem Tite também gosta, amargaria a reserva, possivelmente com Miranda. Mas David Luiz, ganhando nova chance, terá de mudar de comportamento e avançar muito menos do que costumava fazer pela Seleção.

No gol ainda há dúvida, mas Marcelo, do Real Madrid, outro que não vinha sendo lembrado por Dunga, deve ganhar nova oportunidade com Tite, que já pensa no Brasil para pegar o Equador, pelas eliminatórias do Mundial de 2018, fora de casa, no início de setembro.

A equipe tem que reagir logo pois está em sexto na classificação, fora da zona de classificação.



  • Eduardo

    Janca costumava ler teu blog e achar interessante porém agora confesso que suas matérias caíram consideravelmente de nível e credibilidade

MaisRecentes

Pela saída de Levir



Continue Lendo

Apoio a Jô



Continue Lendo

Os preços da Seleção



Continue Lendo