Será que sai?



Oficialmente a direção do Timão evita o assunto, dizendo que o que chama de especulações da imprensa só têm atrapalhado, mas no Parque São Jorge a expectativa é que até mês que vem seja anunciada a venda dos naming rights da arena corintiana.

A novela se estende desde fins de 2011. A expectativa inicial era que o negócio fosse concluído e anunciado até fevereiro de 2012, mas até agora nada.

O estádio, construído para ser o palco de abertura da Copa de 2014, segue sem uma empresa ou um conglomerado que possa nomeá-lo, o que tem gerado muitas reclamações entre conselheiros e torcedores.

Em reunião do Conselho realizada mês passado o presidente Roberto de Andrade teria dito que até o início do Brasileirão, que começa amanhã, o contrato seria assinado.

Do outro lado estaria um fundo estrangeiro ou uma grande companhia de bebidas, o que não é confirmado pela diretoria corintiana, nem por Andrés Sanchez, cujos amigos têm comandado as negociações.

Os valores, que em 2012 seriam de R$ 400 milhões por um contrato de 20 anos, também não são divulgados.

Será que agora sai? Nas arquibancadas a torcida tem protestado pedindo esclarecimentos sobre as contas do estádio em Itaquera. E continua indagando quando, finalmente, os naming rights serão negociados…



MaisRecentes

Nova caminhada



Continue Lendo

O desabafo de Cuca (ainda)



Continue Lendo

As críticas de Cuca



Continue Lendo