A situação de Muricy



A diretoria do Flamengo continua dizendo que Muricy Ramalho está garantido no cargo e que irá permanecer no clube por dois anos. Oficialmente o discurso é de que o técnico não é o responsável pelo péssimo início de temporada do Mengo.

Nos bastidores, porém, a história é um pouco diferente. Apesar de a tendência ser mesmo a de ficar com o técnico pelo menos até o final do ano, há problemas e divergências entre as duas partes. E que não são tão simples assim.

A direção rubro-negra acha que Muricy está devendo, sim. Que trouxe uma dezena de reforços para o técnico e que ele não deu sequer padrão tático para o time carioca. E que não teve firmeza nem liderança nem na Primeira Liga nem no Estadual do Rio, torneios em que o Flamengo acabou eliminado precocemente. E jogando uma bolinha bem pequena…

Já Muricy acha que os reforços não foram os melhores e quer pelo menos mais dois para o Brasileirão, torneio em que a meta é conseguir uma vaga para a Libertadores.

O técnico tem reclamado ainda do que estaria chamando de falta de estrutura do Flamengo. E mais de uma vez chegou a comentar com interlocutores que não há comparação com o que via no São Paulo, clube que comandou por mais de uma vez.

As reclamações do técnico já chegaram à diretoria do Rubro-Negro, o que deixou o clima entre as partes um pouco mais azedo.

Nesse clima o clube se prepara para a sequência da Copa do Brasil e para o Brasileirão, que começa mês que vem.



MaisRecentes

A cabeça de Neymar



Continue Lendo

Crise no Peru



Continue Lendo

Coronel Nunes de fora



Continue Lendo