Discussões no Morumbi



A goleada que o São Paulo levou do Audax deixou mais uma vez o clima tenso pelos lados do Morumbi. A cartolagem do Tricolor definitivamente não se entende.

Um grupo de conselheiros tem questionado a diretoria sobre a contratação de Diego Lugano, ídolo da torcida, mas que não vem fazendo boas atuações e tem amargado a reserva. Quando entra em campo, como aconteceu ontem em Osasco, acaba sendo presa fácil para os adversários.

A forma física do uruguaio, que tem 35 anos de idade, é questionada por muitos dirigentes. Mas o departamento de futebol justifica a volta de Lugano lembrando que ele é um ídolo e, mesmo se acabar realmente na reserva, pelo menos pode aconselhar os mais imaturos do grupo.

Além de Lugano, o goleiro Denis, que ontem fez dois milagres no início do jogo, segue questionado por um grupo forte de conselheiros. A reclamação é que ele não teria qualidade para ser titular do São Paulo e que o time deveria pensar em outro nome para a posição.

Para a torcida, com a equipe eliminada do Paulista, agora é vencer ou vencer na Libertadores.

O time terminará a fase de grupos contra o Strongest, na altitude da Bolívia, precisando de um empate. Mas reclama de cansaço, o que é complicado. Uma eliminação precoce e o primeiro semestre do Tricolor será perdido. E o Morumbi voltará a ser um caldeirão. Mas não no bom sentido do termo.



MaisRecentes

O discurso de Tite



Continue Lendo

A reeleição de Galiotte



Continue Lendo

Cadê os patetas?!?



Continue Lendo