Saída do Esporte?



A cúpula do PRB, partido do ministro do Esporte, George Hilton, ficou espantada com o que chama de força das ruas e com o tom das manifestações de ontem, que não se dispersaram e concentraram forças em atacaram Dilma, o PT e o ex-presidente Lula, defendendo o juiz Sérgio Moro e a Operação Lava Jato.

Diante da reação popular ela quer que o ministro desembarque do governo, que se encontra cada vez mais fragilizado. A avaliação é que Dilma não se mantém no cargo até agosto, quando acontece a Olimpíada, e que o melhor a fazer é George Hilton deixar logo a pasta, já que dificilmente seguirá no Esporte durante o evento no Rio.

George Hilton, porém, tem posição diferente e quer ficar. Acha que Dilma ainda pode resistir e ele também, ganhando os holofotes do mundo daqui a pouco menos de cinco meses, quando acontece a abertura dos Jogos.

Artigo de Marcos Pereira, presidente do PRB, na “Folha”, indica que o partido já se mobiliza pelo impedimento da presidente Dilma, o que deixou o Planalto e o PT irritados.

Hilton acabou sendo obrigado a publicar uma nota em que sinalizada discordância de Pereira.

O partido está dividido. Embora a cúpula queira a saída, a maior parte dos deputados e políticos do PRB ainda acha que o melhor é esperar e ver o que irá acontecer e não largar o poder.

Uma possibilidade é fazer como o PMDB e, em reunião que o PRB fará na próxima sexta, adiar a decisão sobre o fica ou sai para início de abril.

Seja como for a administração de Hilton segue considerada fraca por boa parte dos atletas, especialmente os que se dedicam à política esportiva e que se disseram indignados e envergonhados quando Hilton, que de Esporte não entendia nada, assumiu o Esporte, indicado no final de 2014, num arranjo político do governo para contentar o PRB. E ganhar mais apoio no Congresso. Apoio que, vale lembrar, agora pode perder, pelo menos no que depender da cúpula do partido.



MaisRecentes

Lucas Lima abalado



Continue Lendo

Rodriguinho fora?



Continue Lendo

A aposta do Santos



Continue Lendo